Home Superliga Malu admite susto diante de lanterna e vê aprendizado para os playoffs
Superliga - 13 de março de 2019

Malu admite susto diante de lanterna e vê aprendizado para os playoffs

Oposto mais uma vez foi utilizada como ponteira por Lavarini

No clássico contra o Dentil/Praia Clube, a oposto Malu foi a surpresa de Stefano Lavarini na escalação do Itambé/Minas jogando como ponta, já que o italiana não contava com Natália e Lana. Apesar da derrota no tie-break, ela saiu de quadra elogiada pelas companheiras.

Nesta terça-feira, Malu voltou a atuar improvisada na vitória de virada sobre Balneário Camboriú, substituindo Natália nos sets finais, e faturou o Troféu VivaVôlei.

Ela admitiu que o Minas deixou a desejar, mas saiu de quadra satisfeita com a manutenção da liderança (Minas soma 56 pontos, um a mais do que o Praia), faltando apenas uma rodada para o fim da fase de classificação da Superliga Cimed feminina.

– Acredito que o jogo foi o mais complicado desta temporada. Erramos bastante e isso não pode acontecer. Elas sacaram muito bem e complicou o nosso jogo. Graças a Deus deu certo, a gente sabia que poderia ser assim e, agora, vamos com tudo para Curitiba para buscar a última vitória nessa fase de classificação e ficarmos em primeiro lugar – comentou Malu.

Malu com troféu de destaque da partida (Orlando Bento/MTC)

Nesta sexta-feira, encerra-se a fase classificatória da Superliga. Para se manter a liderança, a equipe minastenista vai a Curitiba, na capital do Paraná, enfrentar o Curitiba. Vitória por 3 a 0 ou 3 a 1 garantirá o Minas na primeira posição.

LEIA TAMBÉM

+ Anunciada a sede das finais da Liga das Nações masculina

Itambé/Minas vira e segue líder da Superliga feminina

Sander, destaque do Sada/Cruzeiro, recebe propostas do exterior

+Egonu desequilibra na Champions, Novara vence e anuncia técnico

Líbero Serginho fala sobre mais um título do Sada/Cruzeiro e planos para o futuro

Giba volta a atuar para promover vôlei inglês

Veja também

Após decepção em casa, duplas brasileiras jogam na China

As duplas brasileiras já têm mais um desafio pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2019.…