Home Superliga Antes de enfrentar o Pinheiros, Kosheleva elogia nível da Superliga
Superliga - 29 de novembro de 2018

Antes de enfrentar o Pinheiros, Kosheleva elogia nível da Superliga

Russa fala sobre bom momento do Sesc e sobre as primeiras experiências no Brasil

Invicto na Superliga Cimed feminina 2018/2019, o Sesc vai até São Paulo para o quinto compromisso na competição. O time comandado pelo técnico Bernardinho terá pela frente o Pinheiros, nesta sexta-feira, às 20h, no ginásio Henrique Villaboin, e sabe que precisará suar muito para levar um triunfo para casa.

Apesar do pouco tempo no país, a russa Kosheleva já tem uma noção do equilíbrio da Superliga.

– Já deu para perceber o quanto a Superliga é forte. Existem pelo menos umas cinco ou seis equipes que podem brigar pelas primeiras posições, incluindo a nossa, é claro – comentou.

Vivendo sua primeira experiência no Brasil, a craque da Rússia acredita que o Sesc tem evoluído a cada partida. Principalmente por estar superando as adversidades encontradas.

– Estou muito contente em ver como estamos nos comportando nos momentos decisivos de jogos complicados. Estamos superando os problemas e vencendo como equipe. Isso mostra nossa cara como time e nos fortalece. Ainda estamos cometendo muitos erros, nem tudo está saindo como esperávamos, mas o fato de sairmos de situações complicadas juntas dá muita confiança – analisou Kosheleva.

Já a levantadora Roberta aponta os pontos fortes do Pinheiros e o caminho para sua equipe conseguir sair de São Paulo ainda invicta.

– Sabemos da dificuldade deste jogo, mas estamos indo preparadas. A expectativa pela partida se reverteu em preparação e concentração. Elas têm um time com muita capacidade, que sempre complica as partidas dentro de casa. Estão com uma equipe encaixada, com boas peças, boas centrais, jogadoras de extremidade habilidosas. Da nossa parte, precisamos entrar em quadra cientes de nossa função, errando cada vez menos e sacando muito bem para tentar jogar o máximo com a nossa defesa e bloqueio – recomendou Roberta.

Veja também

Osasco vence o clássico e segue na cola do líder Praia

Agora restam apenas dois invictos na Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21: o líder D…