Home Superliga Dentil/Praia Clube vence o BRB/Brasília e segue invicto e na liderança da Superliga
Superliga - 24 de novembro de 2018

Dentil/Praia Clube vence o BRB/Brasília e segue invicto e na liderança da Superliga

Atual campeão da competição tem quatro vitórias em quatro jogos

O atual campeão da Superliga Feminina, Dentil/Praia Clube (MG), não enfrentou muitas dificuldades e, fora de casa, venceu o BRB/Brasília Vôlei (DF) na noite desta sexta-feira, no encerramento da terceira rodada competição. A equipe dirigida pelo técnico Paulo Coco bateu o adversário por 3 sets a 0, com parciais de 25/17, 25/12 e 25/17, com destaque da ponteira Fernanda Garay, que foi a mais votada no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e recebeu o Troféu Viva Vôlei, de melhor da partida.

Com o resultado, o time mineiro manteve-se na liderança da Superliga com 11 pontos, dois a mais que o Minas, segundo colocado. O Praia tem um jogo a mais na tabela.

Nos outros jogos da terceira rodada, o Hinode Barueri (SP) derrotou o Fluminense (RJ), de virada, por 3 sets a 2 (20/25, 22/25, 25/17, 25/18 e 15/9), no ginásio do Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ). A partida foi válida pela terceira rodada do turno da competição. A levantadora Dani Lins teve uma atuação segura e ficou com o Troféu VivaVôlei. A oposta Skowronska, do Hinode Barueri, e a ponteira Thaisinha, do Fluminense, foram as maiores pontuadoras do confronto, com 20 acertos. A ponteira Maira, com 17, e a central Milka, com 14, também se destacaram para o time de Barueri (SP).

Em Osasco, o Pinheiros (SP) esteve na casa do adversário e levou a melhor sobre o Audax Osasco (SP) em uma partida extremamente disputada. O time dirigido pelo técnico Sérgio Negrão venceu por 3 sets a 2 (21/25, 25/22, 18/25, 25/18 e 15/9). Duas jogadoras dividiram o posto de maior pontuadora da partida: Mari Cassemiro e Clarisse, com 17 acertos cada uma. A ponteira Clarisse ainda foi eleita, pela comissão técnica do seu time, a melhor em quadra e recebeu o Troféu VivaVôlei.

O Curitiba Vôlei (PR) contou com o apoio da sua torcida e venceu o Vôlei Balneário Camboriú (SC). Em casa, a equipe paranaense fez 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/22 e 25/10. A ponteira Priscila teve atuação inspirada e saiu de quadra premiada com o Troféu VivaVôlei de melhor da partida. A jogadora ainda foi a maior pontuadora do jogo ao lado de Ivna, do time adversário, com 17 pontos cada uma.

O Sesc RJ atuou fora de casa nesta terceira rodada da Superliga Cimed e conseguiu uma vitória no ABC Paulista. A equipe carioca contou com bom desempenho da russa Kosheleva, eleita a melhor do jogo, e venceu o São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) por 3 sets a 0 (25/21, 25/17 e 25/22). A ponteira Peña terminou a partida como a maior pontuadora da equipe carioca ao marcar 15 vezes.

No último jogo da noite, o Minas Tênis Clube (MG) jogou fora de casa e passou pelo Sesi Vôlei Bauru (SP) por 3 sets a 1 (25/15, 25/18, 15/25 e 25/22), no ginásio Panela de Pressão, em Bauru (SP). A central Carol Gattaz se destacou e levou o Troféu VivaVôlei para casa, após votação popular no site da CBV. Apesar da derrota, o Sesi Vôlei Bauru teve a maior pontuadora do confronto, a oposta Diouf, com 16 pontos.

Veja também

Macris desabafa sobre novo piso: “É rir pra não chorar”

A levantadora Macris, do Itambé/Minas, não escondeu a insatisfação com o novo piso utiliza…