Home Superliga Lucarelli é destaque em vitória do EMS/Taubaté sobre o Corinthians
Superliga - 1 de novembro de 2018

Lucarelli é destaque em vitória do EMS/Taubaté sobre o Corinthians

O campeão olímpico ganhou o VivaVôlei como melhor em quadra

O EMS/Taubaté dominou o Corinthians/Guarulhos na abertura da segunda rodada da Superliga Cimed masculina. No ginásio do Abaeté, em Taubaté, na noite desta quinta-feira, triunfo por 3 sets a 0 (25/22, 25/15 e 25/19).

Foi o segundo resultado positivo da equipe dirigida por Daniel Castellani. Foi também o segundo revés do Timão na competição nacional.

O ponta Lucarelli, que foi o jogador mais votado no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), faturou o Troféu VivaVôlei. O campeão olímpico terminou o duelo com 11 pontos.

– Esse está sendo um início muito bom, com duas vitórias por 3 sets a 0 e isso é muito importante em uma competição longa como essa. É bom ganhar os pontos e também para dar confiança para a equipe. Estamos treinando bastante e estou muito feliz. É muito bom poder jogar bem e ajudar a equipe. E é sempre especial ganhar um troféu como esse que dedico a minha família, que me ajudou bastante na recuperação – disse Lucarelli, citando os dez meses de afastamento para se recuperar da cirurgia no tendão de Aquiles.

O argentino Facundo Conte, com 13, foi o maior pontuador. Ele foi titular no lugar de Douglas Souza. Quem também saiu jogando foi o levantador Rapha, com Uriarte ficando como opção no banco. (Confira abaixo os melhores momentos do jogo).

– Uma vitória muito importante, que nos faz crer no que estamos fazendo e que mostra a força do grupo. É um resultado positivo de boas vindas em casa é isso sempre muito bom. Espero que seja a primeira de muitas e também que possamos fazer uma ótima temporada para desempenhar o nosso melhor esse ano – disse Rapha.

Do lado do Corinthians/Guarulhos, o experiente Marcelinho lamentou o resultado negativo.

– Começamos bem, controlamos o primeiro set e do meio para o final os talentos individuais de Taubaté prevaleceram. Eles imprimiram um ritmo muito forte no saque. No segundo set, não soubemos sair da pressão deles e o terceiro foi parecido com o primeiro. Estivemos na frente e depois acabamos nos perdendo. Mas, evoluímos em relação ao primeiro jogo e estamos tentando buscar algumas soluções para as nossas deficiências – comentou Marcelinho.

O Timão segue sem o oposto Rivaldo e o líbero Serginho Escadinha, em processo de recuperação após contusões.

Veja também

Rubinho: “Esperamos muito equilíbrio e muitas dificuldades”

O Sesi Bauru volta à quadra nesta terça-feira para tentar a quinta vitória consecutiva e t…