Home Mundial de Clubes Marcelo Mendez: “Fizemos o nosso melhor e saímos daqui mais fortes”
Mundial de Clubes - 29 de novembro de 2018

Marcelo Mendez: “Fizemos o nosso melhor e saímos daqui mais fortes”

Técnico do Sada/Cruzeiro lamenta eliminação precoce do Mundial, mas salienta crescimento do grupo

– Este é um dos campeonatos mais disputados dos últimos anos e nós esperávamos ir para a fase final. Temos consciência de que lutamos muito, fizemos o nosso melhor em cada jogo e saímos daqui mais fortalecidos para o restante da temporada, conscientes do que devemos fazer – avaliou o técnico Marcelo Mendez, do Sada/Cruzeiro, sobre a despedia do clube na fase ainda na fase da classificatória.

Nesta quinta-feira, na última partida pelo Campeonato Mundial de Clubes 2018, o Cruzeiro  bateu o Khatam Ardakan, do Irã, por 3 sets a 0 (25/16, 27/25 e 25/16), no ginásio Podpromie Hall, em Resovia, pelo terceiro jogo da fase classificatória. O time já estava eliminado do torneio, após perder os dois primeiros confrontos, para o Asseco Resovia por 3 a 2 e para o Trentino, por 3 a 1.

O oposto Luan foi o maior pontuador do confronto, com 16 acertos, seguido pelo central Isac com 12 pontos. Na equipe asiática, Valaei marcou 11 vezes.

Além do Sada Cruzeiro, campeão do Mundial em 2015 e 2016, o campeão da edição de 2017, o russo Zenit Kazan, também está fora da fase final. Assim como o time polonês, o Srka Belchatow, duas vezes vice-campeão do torneio, e o iraniano Khatam Ardakan.

As semifinais do Mundial serão disputadas neste sábado, 01/12, entre o italiano Lube Civitanova e o polaco Asseco Resovia, às 14h30, e entre o russo Fakieł Nowy Urengoj e o italiano Trentino Volley, às 17h30. A decisão acontece no domingo, às 17h30, na cidade de Czestochowa, que recebe toda a fase final.

O elenco cruzeirense inicia a viagem de volta para Belo Horizonte nesta sexta-feira e tem previsão de chegada na capital mineira na noite de sábado.

Sada Cruzeiro – Sandro, Luan, Isac, Le Roux, Filipe, Rodriguinho e o líbero Serginho. Entraram Fernando Cachopa, Evandro, Lucas Bauer e Éder Levi. Técnico – Marcelo Mendez

Khatam Ardakan – Senobar, Khani Molahajilco, Gholami, Karkhaneh, Jahandideh, Vadi e o líbero Nazari. Entraram Valaei, Hooman e Eini. Técnico – Mohammad Reza

O técnico Marcelo Mendez diz que time fez o melhor no Mundial (FIVB/Divulgação)

Veja também

Osasco vence o clássico e segue na cola do líder Praia

Agora restam apenas dois invictos na Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21: o líder D…