Home Mundial de Clubes Dentil/Praia Clube leva virada do Eczacibasi após poupar titulares
Mundial de Clubes - 7 de dezembro de 2018

Dentil/Praia Clube leva virada do Eczacibasi após poupar titulares

Mineiras saíram na frente, mas com reservas em quadra não mantiveram o ritmo

O Dentil/Praia Clube sofreu a primeira derrota no Campeonato Mundial feminino de clubes. Na madrugada desta sexta-feira, vitória do Eczacibasi por 3 sets a 1, parciais de 25-27, 25-21, 25-11 e 25-21.

Com o resultado, o time turco sai em primeiro no grupo, enfrentando na semifinal o Minas. Já o Praia terá como rival o Vakifbank, atual campeão do mundo.

E admito não estar convencido da estratégia adotada pela equipe de Uberlândia no decorrer da partida.

Após um primeiro set empolgante, com uma virada para impor respeito sobre um rival tão poderoso como o Eczacibasi, o técnico Paulo Coco optou por tirar as titulares. Aos poucos, Lloyd, Fawcett, Fernanda Garay, Michelle, Suelen e Carol foram para o banco de reservas (mais tarde Fabiana também saiu para volta de Carol). No início, as reservas chegaram até a empolgar, abrindo 21 a 17 na segunda parcial. Mas tomaram oito pontos seguidos, com o Eczacibasi fechando em 25 a 21. O jogo tomou outro rumo na sequência e a virada foi inevitável.

Em tese, preservação física dos principais nomes para chegar mais inteiro na semifinal. Chance também para dar ritmo de jogo e rodagem internacional para as reservas.

Em contrapartida, ao levar a virada, o Praia corre um risco maior de cruzar com o Vakifbank na semifinal. O atual campeão mundial é o favorito não só contra o Minas, mas contra qualquer equipe do planeta. E ao colocar tudo isso na balança imagino a dificuldade de Paulo Coco e sua comissão técnica para definir tal estratégia.

Já Marco Aurélio Motta manteve Boskovic, Larson, Gibbemeyer e Akoz em quadra durante todo o tempo. Tirou do banco Ismailoglou e Arici, jogadoras de bom nível da seleção turca. E dominou as ações depois das mudanças no time brasileiro.

Momento do jogo com as titulares em quadra. Larson brilhou pelo Eczacibasi (FIVB Divulgação)

Larson terminou como a maior pontuadora do jogo, com 23 acertos, seguida por Boskovic, com 17. Pelo Praia,  Carol e Fawcett fizeram dez cada.

Agora resta aguardar pelas semifinais de sábado para ter uma ideia melhor do acerto na estratégia utilizada hoje. Ao menos, o time titular do Praia deu provas que pode jogar de igual para igual com qualquer um.

LEIA TAMBÉM

+ Minas endurece dois sets, mas é derrotado pelo Vakifbank

Veja também

Santo André vira sobre o Vôlei Renata

Primeiro dia, primeira zebra. O Vôlei Renata, atual bicampeão do Campeonato Paulista, estr…