Home Destaques Leal prevê 2019 “importante e melhor” com chance de vestir a Amarelinha
Destaques - Internacional - Seleção Brasileira - 19 de dezembro de 2018

Leal prevê 2019 “importante e melhor” com chance de vestir a Amarelinha

O cubano naturalizado brasileiro Leal não esconde a empolgação ao projetar 2019. O ponta, que cumpre os últimos quatro meses de quarentena após a mudança de nacionalidade, poderá ser convocado para a Seleção Brasileira para importantes competições, como o Pré-Olímpico.

Para o jogador do Civitanova, a ansiedade só aumenta:

– Acredito que 2019 também será um ano importante, porque posso jogar na Seleção. Mas tem que ter calma, ainda preciso melhorar algumas coisas. Aqui na Itália a adaptação está sendo difícil, pelo time e cultura nova. Mas pouco a pouco estou me acostumando. Bruninho tem me ajudado bastante. Espero que 2019 seja melhor ainda – disse Leal.

O técnico Renan Dal Zotto já repetiu algumas vezes que as portas estão abertas para Leal. Mas o comandante da Seleção pretende ter uma conversa com o atleta nos próximos meses.

Ao analisar 2018, o ponta relembrou as conquistas com o Sada/Cruzeiro: Campeonato Sul-Americano, Copa Brasil e Superliga. Foram seis temporadas no clube mineiro, com 25 títulos:

Leal em ação pelo Civitanova (FIVB Divulgação)

– Esse ano de 2018 foi sensacional. Foi um ano maravilhoso. No Sada/Cruzeiro conseguimos títulos super importantes e no Mundial, no final de 2017, pegamos bronze. Jogamos muito bem – comentou Leal.

Nesta quarta-feira, pela Champions League, Leal marcou 11 pontos na vitória do Civitanova sobre Karlovarsko, da República Tcheca, por 3 sets a 0 (25-16, 25-14 e 25-18). Foi a primeira partida sob o comando de Ferdinando Di Giorgi, substituto de Giampaolo Medei.

O Civitanova vem do vice-campeão mundial ao ser derrotado pelo Trentino na disputa pelo ouro.

Veja também

Paulista com cinco jogos nesta sexta-feira

A sexta-feira promete ser bastante movimentada no Campeonato Paulista. A segunda rodada da…