Home Superliga Roberta aponta dificuldades que o Sesc enfrentará diante do Hinode/Barueri
Superliga - 10 de dezembro de 2018

Roberta aponta dificuldades que o Sesc enfrentará diante do Hinode/Barueri

Levantadora vê os dois times ainda oscilando na Superliga Cimed 2018/2019

Após conhecer seu primeiro resultado adverso na Superliga Feminina 18/19, diante do Fluminense, o Sesc  vai em busca da reabilitação na competição. E terá pela frente um grande adversário, o Hinode/Barueri. As duas equipes estarão frente a frente nesta terça-feira, às 19h, no ginásio José Correa, em Barueri. O portal Globoesporte.com transmitirá o confronto.

Capitã do Sesc, a levantadora Roberta sabe que é preciso serenidade nos momentos difíceis. Jogando sua nona temporada na equipe de Bernardinho, ela revela o caminho para que o time volte a vencer na Superliga.

– Existe sempre uma expectativa muito grande em cima do nosso time. E quando temos um resultado adverso, fica esse sentimento de frustração em todos os fãs. Obviamente não estamos felizes com o que mostramos até agora, mas uma de nossas marcas é trabalhar muito. E é isso que continuaremos fazendo até atingirmos o padrão que queremos – analisou Roberta.

Sobre o adversário, a levantadora do Sesc conseguiu traçar pontos em comum entre as equipes.

Sesc busca a recuperação (Osvaldo F. Contrapé/Divulgação)

– Encarar o Barueri será difícil, sem dúvida. É um grande time e que está oscilando assim como nós e a maioria das equipes. Estamos vendo isso pelos resultados destas primeiras rodadas, com uma classificação bem embolada. Elas contam com grandes jogadoras como a Dani Lins, a Thaisa e a Skowronska. Possuem um bloqueio alto e uma líbero que tem dado muito volume para o jogo delas – descreveu Roberta, mostrando confiança em um bom resultado do Sesc.

– Sabemos também que temos qualidade para ir até lá e vencer. Ambas equipes buscarão muito o resultado e sairá de quadra com a vitória quem estiver mais concentrado, quem errar menos. A derrota da última rodada nos ajudará a ser melhores daqui para frente. Continuamos com nossos objetivos e aprendendo com os erros. Entraremos, com certeza, com a cabeça boa nesta partida.

Veja também

Flávio admite viver momento especial da carreira

Aos 29 anos, Flávio vive um dos melhores momentos da carreira. O meio de rede defenderá o …