Home Superliga Mesmo sem Natália, Minas passa pelo Flu no Rio
Superliga - 8 de janeiro de 2019

Mesmo sem Natália, Minas passa pelo Flu no Rio

No Rio, vice-campeão mundial derrotou o Fluminense por 3 a 1

Nove jogos, nove vitórias. A campanha do Minas segue impecável na Superliga Cimed feminina 2018/2019.

Nesta terça-feira, no Ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro, triunfo sobre o Fluminense por 3 sets a 1, parciais de 25-21, 25-11, 25-27 e 25-23.

Mayany foi eleita a melhor em quadra e levou o VivaVôlei. Foram nove pontos da central apenas no bloqueio, uma enormidade.

O vice-campeão mundial segue na vice-liderança, já que o Dentil/Praia Clube superou o Sesi Bauru, fora de casa. Com um jogo a menos, o time de Stefano Lavarini ainda pode assumir a ponta ao fim do turno.

Mesmo sem Natália, com um problema no joelho, o Minas foi dominante no início do confronto. Colocou pressão no passe adversário no saque, teve presença no bloqueio e viveu apenas um momento de instabilidade, no início do terceiro set. Do outro lado, o Fluminense teve uma dificuldade enorme na virada de bola. Hylmer Dias, na segunda parcial, chegou a dar uma bronca nas jogadoras, dizendo que aceitava perder, mas não da forma pouco combativa que o time demonstrava.

Na terceira parcial, o Flu, com boas atuações de Ju Carrijo e Larissa, chegou a abrir 19 a 12, teve sets points desperdiçados, mas acabou fechando em 27 a 25 após dois bloqueios em Lana.

Joycinha encara o bloqueio do Minas (Mailson Santana/Divulgação)

No set decisivo, com Bruna Honório mais acionada por Macris, o Minas voltou a comandar o placar desde o início. O Flu esboçou uma reação e chegou a virar em 20 a 19, mas as visitantes retomaram a liderança após passagem de Geórgia pelo saque até fecharem a partida.

– Estávamos sacando bem, bloqueando bem, mas demos uma caída no terceiro set. Voltamos bem no quarto tanto no saque e no bloqueio para fechar – disse Mayany, 22 anos.

O Minas ainda tem um jogo a menos em relação à maioria dos demais participantes da Superliga. Na sequência da competição, as minastenistas voltam a BH, onde enfrentam o Curitiba Vôlei na sexta-feira, às 21h, na Arena do Minas, pela 11ª rodada. Já na terça-feira, duelo contra o Hinode/Barueri, às 19h30, em Barueri (SP), em partida adiada da 6ª rodada. No dia 18 (sexta-feira), o Minas enfrentará o BRB/Brasília, às 20h, em Belo Horizonte, já pelo returno.

– Tivemos muitos erros. Em um jogo de alto nível isso não pode acontecer. Foram bobos, de toque, manchete… Agora é descansar e já pensar no Bauru, na sexta-feira e buscar pontos – comentou Pri Daroit.

LEIA TAMBÉM

+ Ingressos à venda para semifinais e decisão da Copa Brasil masculina

+ Roberta confiante em recuperação do Sesc na Superliga

+ Problemas com levantadoras fazem Osasco/Audax inscrever Karine na Superliga

 

Veja também

Darlan entre os “mais promissores” do Mundial

A Federação Internacional de Vôlei (FIVB) divulgou uma lista com os jogadores mais promiss…