Home Internacional Minas sofre no 1º set, mas vence San Lorenzo e decide Sul-Americano com o Praia
Internacional - 22 de fevereiro de 2019

Minas sofre no 1º set, mas vence San Lorenzo e decide Sul-Americano com o Praia

O Itambé/Minas conquistou, nesta sexta-feira, a terceira vitória no Campeonato Sul-Americano feminino. A vítima da vez foi o San Lorenzo, da Argentina, batido por 3 sets a 0.

Com o resultado, o esperado confronto brasileiro, contra o Dentil/Praia Clube, neste sábado, às 13h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte, decidirá o campeão e consequentemente o dono da vaga continental no Mundial de Clubes. O SporTV transmitirá.

Será ainda a reprise da final da última Copa Brasil, reunindo ainda os dois primeiros colocados da Superliga. Nos dois casos, o Minas ficou na frente do arquirrival.

O San Lorenzo começou o jogo sacando bem, tirando o passe da mão de Macris e chegou a estar vencendo por 6 a 3. O técnico Stefano Lavarini pediu tempo e o time voltou mais atento, virando para 8 a 6, a pós boa passagem de Bruna Honório no saque.

O Minas manteve a vantagem até 18 a 12, quando o San Lorenzo passou a sacar forte novamente e a defender bem, colocando as bolas de contra-ataque no chão. Voltando de uma infecção renal, Mayany foi bastante acionada por Macris no meio, mas a falta de entrosamento entre as duas era notória. Com mais dificuldade do que previa, o Minas fechou o primeiro set em 25 a 22.

Comemoração de Mara e Malu (Orlando Bento/Divulgação)

As minastenistas voltaram mais ligadas no segundo set e abriram logo 7 a 1 no placar. Natália, que vem sendo poupada por causa de dores no joelho, entrou no decorrer da parcial. Com o passe na mão e um bloqueio eficiente, o Minas fechou o set em 25 a 12 e abriu 2 a 0 no jogo.

Na terceira parcial, Lavarini poupou as titulares e entrou com Mara jogando como oposto e Malu na ponta. O time foi: Bruninha, Mara, Mayany, Laura, Gabi, Malu e Leia (líbero). O passe voltou a funcionar mal e  o San Lorenzo deu trabalho. O Minas vencia por 5 a 4, com dificuldade de colocar a bola no chão da quadra adversária. Com Mara muito bem pela saída de rede e o passe mais organizado, as donas da casa começaram a se impor e fizeram 11 a 6 no placar. O jogo ainda seguir um pouco mais equilibrado até o fechamento em 25 a 19.

LEIA TAMBÉM

EMS/Taubaté anuncia Renan Dal Zotto como técnico

Boskovic se destaca em difícil vitória do Eczacibasi na Champions

Um papo com o campeão olímpico Bruno Schmidt

Mundiais de Clubes com formatos diferentes em 2019

Veja também

Paulista com cinco jogos nesta sexta-feira

A sexta-feira promete ser bastante movimentada no Campeonato Paulista. A segunda rodada da…