Home Superliga Sesi Bauru vence por 3 a 1 e decreta o rebaixamento do Balneário Camboriú
Superliga - 26 de fevereiro de 2019

Sesi Bauru vence por 3 a 1 e decreta o rebaixamento do Balneário Camboriú

Com 9 pontos, time do Sul não tem mais chances matemáticas de se manter na elite

O Sesi Bauru fez valer seu favoritismo e derrotou o lanterna Balneário Camboriú por 3 sets a 1 – parciais de 25/9, 27/25, 27/29 e 25/20 – na noite desta terça-feira, no Ginásio Hamilton Cruz, em Camboriú, pela nona rodada do returno da Superliga Cimed Feminina 2018/2019.

O resultado decretou o primeiro time rebaixado na temporada. A equipe do Sul – que perdeu o técnico Maurício Thomas na última segunda-feira, desligado do clube para ser auxiliar técnico de Renan Dal Zotto no EMS/Taubaté, na Superliga Masculina -, tem 9 pontos e, com 6 em disputa nas duas próximas rodadas, não pode mais alcançar o Pinheiros, primeiro time fora da zona de rebaixamento, com 17 pontos.

O Sesi subiu da sexta para a quinta colocação, com 34 pontos, um à frente do Osasco/Audax, que agora ocupa o sexto lugar, com 33 pontos.

A central Andressa marcou 13 pontos, foi eleita a melhor em quadra e faturou o Troféu VivaVôlei.

Andressa marcou 13 pontos e ficou com o VivaVôlei (Divulgação)

A maior pontuadora do confronto também foi do Sesi. A oposto italiana Valentina Diouf marcou 29 pontos (22 de ataque, 5 de bloqueio e 2 de saque). Pelo lado do Camboriú, o destaque foi novamente e oposto Ivna, com 23 pontos.

Na próxima rodada, dia 9 de março (sábado) – depois do recesso de Carnaval -, o Sesi enfrenta o Pinheiros, no Ginásio Villaboin, em São Paulo (SP), a partir das 18h, com transmissão pelo Canal Vôlei Brasil. Camboriú tem pela frente o Sesc RJ, no mesmo dia, às 17h, na Arena Jeunesse, no Rio de Janeiro (RJ).

O jogo

Bauru abriu 6 a 1 logo de cara e manteve o ritmo arrasador, fechando o primeiro set em 25 a 9. A segunda parcial foi equilibrada do início ao fim. Com o Camboriú mais consistente e complicando o passe, a equipe paulista começou perdendo por 7 a 4. Depois do tempo do técnico Anderson Rodrigues, o Sesi reagiu e empatou em 9 a 9 e as duas equipes seguiram se alternando na frente do marcador.

As visitantes chegaram ao primeiro set point em 24 a 23 com Ednara, mas Camboriú empatou e virou em um erro de Andressa. O Sesi teve calma para empatar e fechou a parcial após um erro de ataque das adversárias: 27 a 25, e 2 a 0 no jogo.

As donas da casa fizeram 6 a 2 no início do terceiro set, obrigando Anderson a parar o jogo. A equipe reagiu e encostou em 6/7, depois virou para 12 a 11. O jogo manteve-se equilibrado até o final. Bauru fez 23/22 com bloqueio de Andressa Picussa e chegou ao match point com erro de Camboriú. mas as anfitriãs reagiram e, após salvar dois match points, fechou em 29 a 27, em um bloqueio sobre Palacio.

O Bauru voltou melhor na quarta parcial, fazendo 7 a 3. Camboriú só chegou a assustar no final, com 21 a 19, mas parou nos ataques de Diouf, inspirada. O Sesi fechou o set em 25 a 20 e o jogo em 3 a 1, subindo da sexta para a quinta colocação.

LEIA TAMBÉM

Bruna  Honório: “Estou na melhor fase da minha carreira”

Renan fala do desafio em Taubate, divisão com a Seleção, Leal e muito mais

Confusões, expulsões e problema com juiz em jogo da Superliga B

Um papo com o campeão olímpico Bruno Schmidt

Mundiais de Clubes com formatos diferentes em 2019

O fim precoce das transmissões da TV Gazeta

Um papo com a central Adenízia

Veja também

Paulista com cinco jogos nesta sexta-feira

A sexta-feira promete ser bastante movimentada no Campeonato Paulista. A segunda rodada da…