Home Superliga Sesi bate Sada/Cruzeiro e termina a fase classificatória na liderança
Superliga - 16 de março de 2019

Sesi bate Sada/Cruzeiro e termina a fase classificatória na liderança

Time paulista pega o Itapetininga nas quartas. Adversário do Cruzeiro é o Maringá

O Sesi-SP mostrou força diante do poderoso Sada/Cruzeiro, atual campeão da Superliga, dentro do seu ginásio, no Riachão, em Contagem (MG), e venceu por 3 sets a 0 (25/16, 30/28 e 25/21), em 1h32 minutos de jogo, na noite deste sábado, no encerramento da fase classificatória da temporada 2018/2019, e garantiu a liderança da competição, com 56 pontos (20 vitórias e 2 derrotas). O time celeste ficou com a segunda colocação, com 54 pontos (19 vitórias e 3 derrotas).

A equipe comandada pelo técnico Rubinho vai enfrentar o Itapetininga nos playoffs e o Cruzeiro terá pela frente o Maringá na série melhor de três, que começa no próximo sábado. Veja a tabela das quartas de final da Superliga Masculina

Confira aqui como ficaram os cruzamentos das quartas de final. 

Com 47% de votos, o oposto Alan foi eleito o melhor jogador em quadra e faturou o Troféu VivaVôlei. Ele foi o maior pontuador da partida, com 19 pontos (14 de ataque e 5 de bloqueio).

– A nossa equipe vem crescendo nas horas decisivas. Eles não sacaram tão bem isso nos favoreceu hoje. É sempre muito bom ganhar do Cruzeiro, ainda mais por 3 a 0. O placar nos surpreendeu, não esperávamos ganhar por 3 a 0. O importante agora é chegar bem nos playoffs, que são jogos decisivos – disse Alan.

Alan faturou o VivaVôlei (Agenciai7/Divulgação)

Outro destaque do Sesi foi o ponteiro Lucas Loh, com 12 pontos (9 de ataque e 3 de bloqueio). O maior pontuador do Sada/Cruzeiro foi o ponteiro norte-americano Sander, com 15 acertos (13 pontos de ataque, um de saque e um de bloqueio), seguido pelo oposto Luan, que saiu do banco de reservas para substituir Evandro e pontuou 11 vezes (todos pontos de ataque).

O levantador William analisou o adversário do Sesi nas quartas de final.

– A gente jogou com eles (o Itapetininga) há duas rodadas. É um time bem perigoso, mas a gente tem uns fundamentos que encaixam bem contra eles. É uma equipe jovem, com disposição. Então é importante dar uma segurada neles no início e administrar o jogo. Vai ser um baita playoff e a gente está preparado – disse o “Mago”.

O capitão do Sesi SP enfatizou a evolução da equipe as últimas rodadas:

– Depois da Libertadores, que a gente perdeu para o Sesc RJ na semifinal, o time aprendeu a jogar, evoluiu demais, foi daquelas derrotas importantes. Nosso time deu um saldo no nível de jogo. Vamos seguir nesse ritmo, que o nosso objetivo é ser campeão – completou William.

O ponteiro Rodriguinho encara o bloqueio paulista (Agenciai7/Divulgação)

O central do Sesi, Éder, falou da vitória por 3 a 0, e reforçou que a equipe encerra a fase classificatória bastante confiante.

– Uma vitória importante, em Contagem (MG), a gente sabe do histórico deles em casa, dificilmente perde em seu ginásio… O nível alto de foco da nossa equipe foi muito importante hoje. Vai ser um grande playoff, com os quatro favoritos (Sesi, Sada/Cruzeiro, Taubaté e Sesc), além de Minas, uma equipe jovem, que assim como Campinas, tem alguns jogadores experientes. Mas, em jogos de mata mata tudo pode acontecer.

Para o capitão do Cruzeiro, Filipe, o time demorou a entrar no ritmo do rival:

– Foi uma partidaça do Sesi. Jogou muito bem. Demoramos um pouco para entender a proposta deles. O time deles não rifa a bola, bate no bloqueio, volta, saca consciente… E nós, ao contrario, erramos muito, principalmente no saque. O jogo mostrou que temos muito a crescer ainda, taticamente inclusive. Parabéns ao Sesi, que jogou demais. A gente tem de analisar isso antes dos playoffs – disse o ponteiro do Sada/Cruzeiro.

O Jogo

O Sada Cruzeiro começou o jogo com apenas duas derrotas em 19 jogos: uma para o Vôlei Renata, na estreia da Superliga, e outra justamente para o Sesi, no turno, em São Paulo. Com o Riachão lotado e a torcida animada, a expectativa era de mais uma grande apresentação celeste. Mas, não foi o que aconteceu. Irreconhecível, principalmente no saque, o time não foi sombra da equipe regular e avassaladora que costuma ser.

Bloqueio celeste montado no ataque de Alan (Agenciai7/Divulgação)

O primeiro set iniciou equilibrado, mas só até o quarto ponto, quanto o Sesi SP começou a abrir frente no placar. Com um saque tático, flutuante, à meia força, sem rifar a bola, o time do técnico Rubinho deu trabalho à defesa dos donos da casa, que não conseguia definir na primeira bola (side out). E, nos contra-ataques, William distribuiu com maestria, fazendo a equipe pontuar. Por outro lado, a principal arma do Cruzeiro, o saque, não entrou. Num ritmo forte e de poucos erros, num ataque do ponteiro Alan, o Sesi fez 25 a 16, calando o Riachão e fazendo 1 a 0 no jogo.

Marcelo Mendez começou o segundo set com o oposto Luan no lugar de Evandro. O Sesi voltou bem para o segundo set e fez 5 a 2 no marcador, obrigando o treinador cruzeirense a pedir tempo. A equipe celeste reagiu, mais atento ao bloqueio e conseguiu diminuir a vantagem para 5 a 6. O time paulista mantinha sua postura de saque consistente, sempre amortecendo os ataques cruzeirenses. Em um erro de Rodriguinho, o Sesi fez 9 a 6 e Mendez tirou o jogador, colocando o capitão Filipe em quadra. Em um ace do central francês Le Roux o Cruzeiro iniciou uma reação, buscou o placar e o jogo ficou empatado em 15 a 15. Em dois erros da equipe celeste, o Sesi fez 20 a 17, mas na sequência foi a vez de os anfitriões errarem na recepção, encostando novamente no marcador: 19 a 20, obrigando Rubinho a parar o jogo.

O Sada/Cruzeiro terminou a fase classificatória na vice-liderança (Agenciai7/Divulgação)

O Cruzeiro encostou de vez e os dois times seguiram trocando pontos. O Sesi teve o set point em 24 a 23, mas Sander aproveitou o contra-ataque para empatar em 24 a 24, incendiando o Riachão. Alan teve a bola do set para fazer 27 a 25, mas atacou para fora. Alan voltou a deixar o time paulista na frente: 28 a 27, mas Sander, pela ponta, empatou tudo novamente em 28. Num bloqueio de Alan sobre o ponteiro norte-americano, o Sesi fechou o set em 30 a 28, fazendo 2 a 0 na partida.

O Sesi seguiu em ritmo forte, com seu saque flutuante taticamente bem colocado, e um bloqueio pesado, amortecendo as bolas dos rivais. E o saque do Cruzeiro, principalmente com Isac, continuou não entrando. Em um saque para fora de Le Roux – outro que costuma fazer vários pontos de saque por jogo, e que também não conseguiu imprimir sua eficácia no fundamento -, o Sesi abriu 14 a 10. Nesse momento, os donos da casa já tinham dado 25 pontos em erros ao adversário – 17 deles só em saque e Marcelo Mendez parou a partida novamente em 18 a 14.

Jogadores do Sesi comemoram a bela vitória (Agenciai7/Divulgação)

Após um rali de 21 segundos, Filipe parou Alan no simples na saída de rede, diminuindo a diferença para dois pontos (18 a 16) e  a torcida acordou na arquibancada. O Sesi voltou a abrir quatro pontos de vantagem: 20 a 16. Tranquilo, o time paulista seguiu com o seu jogo equilibrado e, em um erro de ataque de Luan, fez 24 a 20. Em um ataque do oposto Alan, o Sesi fechou o set em 25 a 21 e o jogo em 3 a 0.

Sada/Cruzeiro: Cachopa, Evandro, Sander, Rodriguinho, Isac, Le Roux e Serginho (líbero). Entraram: Luan, Filipe, Sandro, Leozinho. Técnico: Marcelo Mendez

Sesi-SP – William, Alan, Lucas Loh, Renato, Éder, Gustavão e Murilo (líbero). Entraram: Pureza (líbero), Barreto, Evandro, Franco. Técnico: Rubinho.

LEIA TAMBÉM

+ Veja a tabela das quartas de final da Superliga Feminina

Sesc RJ derrota o Dentil/Praia Clube e termina em terceiro

+ Itambé/Minas supera o Curitiba e mantém liderança

+ Hinode/Barueri passa pelo São Caetano e fica em quarto

Osasco/Audax supera o BRB/Brasília é fica em quinto

Flu surpreende e bate o Sesi/Bauru, fora de casa

Fawcett na mira de clube italiano

Clubes femininos optam por manutenção do ranking para 2020

Sander, destaque do Sada/Cruzeiro, recebe propostas do exterior

Egonu desequilibra na Champions, Novara vence e anuncia técnico

 

Veja também

Mineiro masculino: divulgados os oito participantes

A Federação Mineira anunciou, nesta terça-feira, os oito participantes do Estadual masculi…