Home Vaivém Vaivém: Civitanova deve pagar rescisão para contar com novo oposto
Vaivém - 19 de março de 2019

Vaivém: Civitanova deve pagar rescisão para contar com novo oposto

Time italiano deverá perder Sokolov para a Rússia

O Civitanova está disposto a abrir os cofres para contar com um novo oposto para a temporada 2019/2020.

Com a quase certa transferência do búlgaro Sokolov para o vôlei russo, o time italiano quer Nimir Abdel Aziz como substituto.

Semanas atrás, o egípcio naturalizado holandês renovou o contrato com Milão. Tal cenário obrigará Civitanova a pagar a multa rescisória para contar com o reforço.

Segundo a mídia italiana, o valor do pagamento gira em torno de 200 mil euros, aproximadamente R$ 860 mil.

Sokolov, o camisa 1 do Civitanova (Divulgação)

Na atual temporada, Civitanova ficou várias semanas nas manchetes durante a negociação com Simon. O central cubano tinha contrato com o Sada/Cruzeiro, acabou forçando a saída e o impasse gerou um processo na Federação Internacional de Vôlei (FIVB), justamente cobrando uma indenização por parte dos italianos.

LEIA TAMBÉM

Campeão olímpico Alison fica sem parceiro no vôlei de praia

Vaivém: Sobre o futuro de Natália

Clubes se reúnem e querem que Libertadores classifique o campão ao Mundial

Vaivém: Time polonês de olho em Leon

Veja a tabela das quartas de final da Superliga Feminina

Confira a tabela das quartas de final da Superliga Masculina

Veja também

Mineiro masculino: divulgados os oito participantes

A Federação Mineira anunciou, nesta terça-feira, os oito participantes do Estadual masculi…