Home Praia Brasil não tem bom início na chave masculina em Xiamen
Praia - 25 de abril de 2019

Brasil não tem bom início na chave masculina em Xiamen

Nenhuma das cinco duplas conseguiu avançar sem passar pela repescagem

O Brasil tem duas duplas classificadas à próxima fase no torneio masculino na etapa de Xiamen (China) do Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. Na madrugada desta quinta-feira, Alison/Álvaro Filho e André Stein/George venceram um jogo e perderam outro, terminando em segundo em suas chaves e avançando à repescagem.

Outras três duplas entraram em quadra, mas acabaram superadas, casos de Evandro/Bruno Schmidt, Guto/Saymon e Pedro Solberg/Vitor Felipe. Como os times que perdem a primeira partida, jogam apenas no dia seguinte, eles só disputaram uma rodada. Nesta sexta-feira, os três precisam da vitória para irem à repescagem.

Alison e Álvaro Filho superaram na estreia os norte-americanos Taylor Crabb e Jake Gibb por 2 sets a 0 (22/20, 23/21), em 49 minutos. No segundo duelo do dia, valendo a liderança da chave G e vaga direta às oitavas de final, acabaram superados por 2 sets a 0 (21/15, 21/14) pelos catarianos Cherif Samba e Ahmed Tijan. O adversário dos brasileiros na repescagem só será definido após o final da fase de grupos, nesta sexta.

Quem também largou com uma vitória e um revés foi a dupla André Stein e George, que disputa sua primeira etapa do tour internacional, assim como Alison e Álvaro Filho.

Eles largaram vencendo o norte-americano campeão olímpico Dalhausser e seu parceiro Nick Lucena por 2 sets a 0 (21/19, 21/17), em 40 minutos. Na sequência, porém, foram vencidos pelos italianos Carambula/Rossi por 2 sets a 1 (21/19, 20/22, 19/17), em 57 minutos, terminando na segunda colocação da chave F e aguardando adversário da repescagem.

Os outros times brasileiros acabaram superados na primeira rodada. Evandro e Bruno Schmidt foram vencidos pelos russos Liamin/Velichko por 2 sets a 0 (23/21, 21/17), em 43 minutos. Eles encaram os australianos McHugh/Schubert às 22h40 desta quinta e precisam da vitória para fechar o grupo D em terceiro e avançarem à repescagem.

Mesma situação de Pedro Solberg/Vitor Felipe, que caíram na estreia para os canadenses Sam Pedlow e Sam Schachter por 2 sets a 1 (19/21, 21/14 e 17/15), em 55 minutos. A próxima partida no grupo C será às 22h40 desta quinta, contra os alemães Erdmann e Betzien, com necessidade de vitória para classificação à repescagem.

Guto e Saymon, no grupo B, tiveram derrota para os letões Plavins e Tocs na estreia: 2 sets a 1 (18/21, 21/16, 15/7), em 50 minutos. A definição do terceiro lugar do grupo será contra os ucranianos Iaroslav Gordieiev e Sergiy Popov. A partida acontece também às 22h40. Em caso de vitória, todos os times jogam na madruga de sexta-feira (26.04), pela repescagem.

Na corrida olímpica do Brasil, apenas os eventos de quatro e cinco estrelas do Circuito Mundial, além do Campeonato Mundial, são contabilizados, cada um com peso correspondente. Além disso, os times terão uma média dos 10 melhores resultados obtidos, podendo descartar as piores participações. Só valem os pontos obtidos juntos, como dupla.

LEIA TAMBÉM

+ Esloveno na mira do Sada/Cruzeiro

Em vídeo, Jaque tranquiliza fãs após desmaio

Problema físico tira Drussyla da Seleção

Sada/Cruzeiro renova contrato com Marcelo Mendez até 2021

+ Dentil/Praia Clube anuncia renovação com Fernanda Garay

Desfigurado, Hinode/Barueri busca reconstrução

+ Dani Lins também pede dispensa da Seleção Brasileira

Veja também

Brasil vai disputar 7º lugar na Copa Pan-Americana

A Seleção Brasileira sub-21 segue sem vitória na Copa Pan-Americana masculina. Neste sábad…