Home Superliga EMS/Taubaté/Funvic conta com experiência de Lucão em finais
Superliga - 19 de abril de 2019

EMS/Taubaté/Funvic conta com experiência de Lucão em finais

Em sua oitava final e dono de quatro títulos, central é uma das referências na equipe do técnico Renan

Finalista da Superliga Cimed masculina de vôlei 2018/2019, o EMS Taubaté Funvic (SP) conta com um forte fator para enfrentar o Sesi-SP a partir da próxima terça-feira (23.04), data do primeiro jogo da série melhor de cinco pela grande final. A experiência de Lucão, que disputa sua oitava final da competição e conquistou quatro títulos, é algo que a equipe do Vale do Paraíba espera usufruir em sua segunda final de Superliga Cimed e primeira com a presença do campeão olímpico.

Campeão três vezes com a Cimed, de Florianópolis (SC), e uma vez com o RJX, do Rio de Janeiro (RJ), Lucão está acostumado com o clima de decisão. Dessa vez, chega a mais uma, porém em uma final inédita. Já em sua primeira temporada com o EMS Taubaté Funvic, ajudou a equipe a chegar a grande final do principal campeonato do calendário nacional e comemora o fato de viver mais um grande momento na carreira.

“Acredito que o principal fator para nos trazer até a final tenha sido o plantel. Nosso time rodou muito, revezamos em todas as posições e mostramos a força de todo o grupo. Sabíamos que o que ia fazer diferença em um campeonato longo e tão equilibrado como foi essa edição da Superliga Cimed era realmente ra ter o grupo todo à disposição”, comentou Lucão.

O campeão olímpico Lucão (Rafinha Oliveira/Divulgação)

O experiente central, dono de duas medalhas olímpicas – prata em Londres/12 e ouro no Rio/16 – o jogador aposta em mais uma vez contar com este detalhe para que o EMS Taubaté Funvic conquiste o título sobre o Sesi-SP.

“Na minha opinião, este mesmo fator que nos ajudou em todo o campeonato vai ser fundamental para a final também. Se o grupo todo estiver focado e bem, temos grandes chances de levar o título. Temos que estar todos concentrados, independentemente de começar jogando ou não. É preciso contar com todos para alcançarmos esse objetivo”, afirmou Lucão.

Feliz com a equipe e com a cidade, o central só pensa em contribuir para a conquista deste inédito título para Taubaté. “Me adaptei muito facilmente a cidade e eu e minha família estamos muito felizes aqui. Agora é o momento de direcionar o foco todo para essa grande final e fazer o máximo para dar essa conquista de presente para a cidade”, concluiu Lucão.

O primeiro jogo da série melhor de cinco será no Sesi Vila Leopoldina, casa do adversário, mas Lucão e seus companheiros esperam ver o ginásio do Abaeté, em Taubaté, lotado para o segundo duelo, que será no dia 27, às 21h30. Toda a série terá transmissão ao vivo do canal SporTV 2.

O EMS/Taubaté eliminou o Sada/Cruzeiro na semifinal (Guilherme Cirino/Divulgação)

LEIA TAMBÉM

+ Zé Roberto solta primeira lista da Seleção 2019. Brait convocada

+ Thaisa anuncia aposentadoria da Seleção 

Um papo franco com a oposta Sheilla, que volta às quadras na próxima temporada

EMS/TAubaté supera o Sada/Cruzeiro em Contagem e vai pegar o Sesi na decisão

Sesi SP derrota o Sesc RJ no tie-break e é o primeiro finalista da Superliga Masculina

Renan solta a primeira lista dos convocados para a Seleção Masculina

Novara elimina o Vakifbank, no golden set, com 39 pontos de Egonu

Civitanova bate poloneses e vai encarar o Zenite Kazan na final da Champions

+ Fivb atende atletas e cria ações para minimizar efeitos do calendário

Adenízia pede afastamento da Seleção e deixa Tóquio-2020 em aberto

Um papo com Macris sobre Seleção, veganismo, ranking e futuro

Seleção Masculina jogará em Cuiabá e Brasília na Liga das Nações

Bruninho exclusivo: “Cabeça do Leal encaixando com filosofia da Seleção”

Veja também

Fluminense: aposta em elenco alto, jovem e agressivo

Primeiro campeão brasileiro de vôlei feminino, em 1976, e seis vezes campeão sul-americano…