Conegliano
Home Internacional Conegliano volta a derrotar o Novara e fica a uma vitória do título do Italiano
Internacional - 4 de maio de 2019

Conegliano volta a derrotar o Novara e fica a uma vitória do título do Italiano

O Conegliano está a uma vitória do título do Campeonato Italiano Feminino 2018/2019. O time da oposta croata Samanta Fabris voltou a vencer o Novara por 3 sets a 0 – parciais de 25/16, 25/23 e 25/23, em 1h18 min de jogo -, dessa vez em casa, diante de 5.344 torcedores, na noite deste sábado, em casa, e abriu 2 a 0 na série melhor de cinco – depois de ter vencido o primeiro confronto, quarta-feira, pelo mesmo placar, na casa do Novara.

A terceira partida está marcada para segunda-feira, às 15h30 (de Brasília), em Trento. O quarto jogo, se necessário, será na sexta-feira, no mesmo horário, na casa do Novara, e o quinto, também se necessário, dia 12 de maio (domingo), às 13h, novamente em Trento.

Conegliano e Novara também vão decidir outro título na temporada, a Champions League, no dia 18 de maio, na Alemanha.

A oposta italiana Paola Egonu, do Novara, foi a maior pontuadora do jogo, com 19 pontos. Outros destaques do time visitante foram Michelle Bartsch, com 7 pontos e Stefana Veljkovic e Celeste Plak, ambas com 4.

A oposta croata Samanta Fabris encara o bloqueio do Novara (Divulgação)

Pelo Conegliano, a ponteira italiana Miriam Sylla marcou 13 pontos, a ponteira norte-americana Kimberly Hill marcou 12, Samanta Fabris, 11 e as centrais Anna Danesi e Robin De Krjuijf 8 e 6, respectivamente.

Apesar da derrota, o Novara ofereceu mais resistência que o primeiro jogo, quando perdeu com parciais muito baixas (25/15, 25/20 e 25/15).

“Estamos tentando encontrar nossa identidade, infelizmente só jogamos bem em alguns momentos”, lamentou Paola Egonu, em entrevista à Rai Sport.

“Poderíamos ter sido mais organizadas e tentar fazer o melhor possível. Qual é o problema? Não estamos calmas e não confiamos em nós mesmas. Mas acredito que nada ainda está perdido. No próximo jogo vamos tentar dar o dobro do que demos hoje à noite. Não estou muito satisfeita com o modo como estou jogando”, admitiu a jogadora, que teve 43% de aproveitamento no ataque.

O Conegliano vence a série final por 2 a 0 (Divulgação)

LEIA TAMBÉM

Osasco fez boas “compras” no mercado. Mayany e Mara foram duas delas

Itambé/Minas confirma renovações para a temporada 2019/2020

Sai a lista das 30 inscritas pelo Brasil para a Liga das Nações Feminina

Opinião: Força do elenco faz a diferença a favor do EMS/Taubaté

Começa a venda de ingressos para os jogos da Seleção Feminina na Liga das Nações

Seleção sub-19 masculina do Brasil é convocada

Fim do jejum: Itambé/Minas conquista a Superliga novamente, 17 anos depois

Lavarini deixa o Minas após temporada perfeita: 5 torneios, 5 finais e 4 títulos

+ Opinião: O feito gigantesco do Itambé/Minas na temporada

Veja também

Maique: “Estamos buscando identidade para o grupo”

A Seleção Brasileira masculina está na França fazendo os últimos ajustes para o Campeonato…