Home Superliga Lucas Lóh aposta em vitória do Sesi SP no sábado e avisa: “Ainda não acabou”
Superliga - 2 de maio de 2019

Lucas Lóh aposta em vitória do Sesi SP no sábado e avisa: “Ainda não acabou”

O treinador do EMS/Taubaté/Funvic, Renan Dal Zotto, chamou a atenção para o alto nível técnico da partida da última terça-feira, na Arena Suzano (SP), que terminou com a vitória do seu time sobre o Sesi SP por 3 sets a 2, com parciais apertadas. Com o resultado, o Taubaté vence o playoff melhor de cinco da final por 2 a 1 e pode conquistar o inédito título no próximo sábado, quando as duas equipes voltam a se enfrentar às 21h30, novamente na Arena Suzano, com o mando de quadra do time de Renan.

“Esse terceiro jogo teve um nível técnico excelente. Mesmo as duas partidas que foram 3 sets a 0 tiveram as parciais muito equilibradas. Hoje foi um resumo do que aconteceu nas duas primeiras partidas e as duas equipes poderiam ter saído de quadra com a vitória. Tivemos sorte em alguns momentos e sabemos que ainda não tem nada definido”, explicou o treinador.

O oposto Leandro Vissoto, que comemorou 36 anos no sábado, foi o maior pontuador do jogo, com 23 pontos e faturou o Troféu VivaVôlei como o melhor em quadra. Foi dele o bloqueio que determinou o último ponto da partida, na vitória por 15 a 13 no tie-break.

Inovafoto/CBV

Pelo lado do Sesi-SP, o central Éder lamentou a derrota, mas ressaltou o equilíbrio do confronto desta terça-feira.

“Foi um jogo de alto nível e o Visssotto fez uma partida sensacional. Acredito que hoje não conseguimos marcar o Vissotto. Agora temos que estudar e vamos seguir batalhando para conseguir o título da Superliga”.

O ponteiro Lucas Lóh lamentou o excesso de erros do Sesi SP

“Foi um jogo extremamente equilibrado. No tie-break, cometemos alguns erros bobos. E, num jogo nesse nível, no tie-break, se errar desse jeito, você vai perder. Mesmo com essas falhas, conseguimos chegar a 15/13. Foram falhas que determinaram o jogo. Mas é colocar a cabeça no lugar. Não acabou ainda. Ganha quem fizer três jogos”, disse o ponteiro, em entrevista ao site Globoesporte.com.

LEIA TAMBÉM

+ Sai a lista das 30 inscritas pelo Brasil para a Liga das Nações Feminina 

Opinião: Força do elenco faz a diferença a favor do EMS/Taubaté

Começa a venda de ingressos para os jogos da Seleção Feminina na Liga das Nações

Seleção sub-19 masculina do Brasil é convocada

Fim do jejum: Itambé/Minas conquista a Superliga novamente, 17 anos depois

Lavarini deixa o Minas após temporada perfeita: 5 torneios, 5 finais e 4 títulos

+ Opinião: O feito gigantesco do Itambé/Minas na temporada

Veja também

Santo André vira sobre o Vôlei Renata

Primeiro dia, primeira zebra. O Vôlei Renata, atual bicampeão do Campeonato Paulista, estr…