Home Superliga Minas confirma Macris, Gattaz, Leia e Bruna Honório. Mara e Mayany fora da lista
Superliga - Vaivém - 2 de maio de 2019

Minas confirma Macris, Gattaz, Leia e Bruna Honório. Mara e Mayany fora da lista

Gabi e Natália vão para o vôlei turco

O Itambé/Minas, anunciou, nesta quinta-feira, as primeiras renovações para a temporada 2018/2019. A atual campeão mineiro, da Copa Brasil, do Sul-Americano e da Superliga segue com as levantadoras Macrís e Bruninha, das centrais Carol Gattaz e Laura, a oposta Bruna Honório, a líbero Léia e da ponteira Lana.

“A diretoria do clube segue atenta ao mercado e, em breve, anunciará as novas renovações e/ou contrações para o elenco minastenista”, disse o Minas, por meio de sua assessoria de imprensa.

Eleita a melhor central da Superliga 2018/19 e escolhida a Craque da Galera, após votação dos torcedores no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), a capitã Carol Gattaz vai representar a equipe minastenista pela sexta temporada seguida.

A capitã Carol Gattaz beija a taça de campeã da Superliga (Gaspar Nóbrega/Inovafoto)

A jogadora destaca o melhor momento de sua carreira e diz que defender o Minas por mais uma temporada é motivo de muito orgulho.

“Essa temporada foi, simplesmente, incrível! Sem dúvida nenhuma, foi a melhor temporada da minha vida. Os resultados foram perfeitos, no sentido de todos os campeonatos que disputamos, chegamos à final. De cinco torneios, fomos campeões em quatro e, no Mundial, fomos vice. Vai ficar marcado para sempre. Agora, na próxima temporada, para mim, será muito importante permanecer no Minas. É o Clube que eu mais tempo defendi e é sempre uma honra vestir essa camisa, sempre deixei isso bem claro. Aqui, eu me sinto em casa. Será um novo grupo, com novos objetivos, mas esperamos fazer boas competições e brigar pelas primeiras posições”, comentou a melhor central, Craque da Galera e, ainda, melhor atacante da Superliga 2018/19, com 59% de aproveitamento.

A levantadora Macris também fez uma excelente temporada. Foi eleita a melhor jogadora da posição e da Superliga (MVP). Macris defenderá a equipe minastenista pelo terceiro ano seguido.

“Em relação à próxima temporada, será uma alegria permanecer no Minas. É um enorme prazer defender novamente um clube tão tradicional. Estou muito feliz em Belo Horizonte, não só pelas conquistas recentes, mas por todo aprendizado e oportunidades que o Minas me proporcionou, além, claro, da estrutura incrível. Acredito que será uma temporada também de muito trabalho e dedicação. Meu objetivo é crescer ainda mais. Tenho certeza que o Minas vai permanecer com todo o empenho e foco para se manter no topo e conseguir brigar pelos melhores resultados. Continuarei dando meu melhor para poder trazer muitas alegrias para todos os torcedores”, disse Macris.

Macris foi eleita a melhor levantadora da Superliga e MVP da competição (Gaspar Nóbrega/Inovafoto/CBV)

A levantadora Bruna Costa, a Bruninha, como é chamada pela torcida, também permanece na equipe. Sempre que acionada pelo técnico Stefano Lavarini, Bruninha esteve em quadra e contribuiu muito para a equipe. A atleta não esconde a satisfação de ter jogado ao lado de seus ídolos e espera outra temporada vitoriosa.

“Essa temporada foi mágica! Não apenas pelos títulos, porque, certamente, outros virão. Vamos lutar para isso. Jogar ao lado dos meus ídolos foi espetacular. Eu vi Natália ser campeã olímpica, campeã de Superliga e jogar com ela, com Gabi e com Carol Gattaz, foi impressionante. Isso foi um aprendizado imenso para mim e me fez crescer dentro de quadra. Já na próxima temporada, acredito que vamos manter a competitividade a nível nacional e internacional. Fico na expectativa para ver como será o novo elenco, mas sei que será forte e vamos lutar para nos mantermos no topo. Vamos trabalhar forte e treinar muito. Estou muito feliz por permanecer no Minas, que é um clube espetacular. O Departamento Médico é muito bom, e a estrutura daqui é incrível. Espero que seja mais uma temporada vitoriosa”, destacou.

Bruninha segue no Minas (Orlando Bento/MTC)

A líbero Léia também permanece na equipe. A experiente jogadora vai representar o clube pela quinta temporada seguida.

“Com muita alegria, renovei o contrato. Tenho muita gratidão por ficar mais ano por aqui. Será uma temporada de muita dedicação, comprometimento e, principalmente, trabalho. Foi incrível tudo que conquistamos este ano. Na próxima temporada, vamos lutar para permanecer entre os primeiros colocados, foi tudo muito especial”, afirmou a líbero.

Leia deu estabilidade à linha de passe do Minas na temporada (Orlando Bento/MTC)

Bruna Honório segue no clube pela segunda temporada seguida.

“Sobre esse ano no Minas, tudo contribuiu para que eu me sentisse à vontade, foi uma temporada de muita superação e vitórias. Fico muito feliz e honrada em fazer parte desta equipe por mais um ano. O Minas me recebeu muito bem, e a torcida me abraçou com muito carinho. Os torcedores podem esperar muita retribuição em quadra e espero ter mais uma boa temporada aqui”, planejou.

Bruna Honório vai para a sua segunda temporada no clube (Wander Roberto/CBV)

A temporada 2019/20 também será a segunda da ponteira Lana. A atleta destaca a evolução em quadra e espera contribuir ainda mais para o clube na temporada que vem.

“Esta temporada, com toda certeza, foi uma experiência enriquecedora para a minha carreira. Eu pude ver minha evolução diária. Foi uma honra treinar e jogar ao lado de jogadoras tão importantes para o voleibol mundial. Estou muito feliz por continuar nesta equipe. Agradeço todo carinho e apoio dos diretores do Minas e dos torcedores, que sempre me apoiaram e me incentivaram. Espero que seja mais uma temporada de muitas conquistas e sucesso para o Minas”, ressaltou.

A ponteira Lana substituiu Natália, lesionada, em alguns jogos (Orlando Bento/MTC)

Mais nova do elenco minastenista na temporada, a central Laura comemorou a renovação.

“Tivemos uma temporada sensacional, impecável! Foi uma honra treinar e jogar ao lado de atletas que são um grande exemplo para mim. A equipe técnica ajudou muito na minha evolução e tenho por eles uma gratidão e enorme. Fomos muito mais que um time, fomos uma grande família. Agora, já estou focada na temporada 2019/20, vou dar o meu máximo e quero evoluir muito tecnicamente. É um orgulho imenso vestir essa camisa, estar no Minas e contar com o apoio dessa torcida que tanto nos incentiva e nos motiva”, comentou Laura, atleta de 18 anos, formada nas categorias de base do Minas e que está com a seleção brasileira Sub-20, juntamente com a irmã, Júlia Kudiess, também formada no clube.

LEIA TAMBÉM

Sai a lista das 30 inscritas pelo Brasil para a Liga das Nações Feminina 

Opinião: Força do elenco faz a diferença a favor do EMS/Taubaté

Começa a venda de ingressos para os jogos da Seleção Feminina na Liga das Nações

Seleção sub-19 masculina do Brasil é convocada

Fim do jejum: Itambé/Minas conquista a Superliga novamente, 17 anos depois

Lavarini deixa o Minas após temporada perfeita: 5 torneios, 5 finais e 4 títulos

+ Opinião: O feito gigantesco do Itambé/Minas na temporada

Veja também

Brasil leva virada na Copa Pan-Americana

A quarta-feira (10/8) não foi marcada pela reabilitação do Brasil na Copa Pan-Americana, e…