Home Destaques Simon de volta à seleção cubana ainda em 2019?
Destaques - Internacional - 28 de maio de 2019

Simon de volta à seleção cubana ainda em 2019?

O central Simon discute com a federação de Cuba um retorno à seleção

É real a possibilidade de Cuba voltar a ter na seleção masculina o central Simon.

O jogador do Civitanova, ex-Sada/Cruzeiro, discute com Ariel Saínz Rodríguez, presidente da federação cubana de vôlei, um retorno para algumas importantes competições neste ano, como os Jogos Pan-Americano de Lima, no Peru, e o Pré-Olímpico.

Simon admitiu a chance logo após a conquista do Campeonato Italiano, numa entrevista para a emissora RAI. Nos últimos meses, o governo cubano tem demonstrado estar mais flexível e disposto a discutir a volta de atletas dissidentes.

Além de Simon, há a possibilidade de retorno do levantador Hierrezuelo, que defendeu o Bolívar, da Argentina, na temporada 2018/2019.

Os dois estiveram juntos na última grande geração cubana a atuar internacionalmente pela seleção. Em 2010, na Itália, Cuba ficou com o vice-campeonato mundial, perdendo para o Brasil na decisão.

Daquele time dois destaques mudaram de nacionalidade e poderão estrear sob nova bandeira na Liga das Nações: Leal pelo Brasil e Leon pela Polônia. Quem já atua há mais tempo pela Itália é Juantorena.

O trio Leal, Simon e Juantorena (Divulgação)

No Pré-Olímpico, Cuba terá uma parada bem difícil pela frente, já que está no grupo de Rússia e Irã. O México completa a chave, que garantirá apenas o vencedor para a Olimpíada de Tóquio-2020. Confira todas os grupos .

No feminino, Cuba abriu mão de participar do Pré-Olímpico Mundial.

LEIA TAMBÉM

Veja também

Turci vê árbitro como “conciliador” no vôlei atual

A arbitragem foi tema desta terça-feira no projeto Academia do Voleibol. Na série de encon…