Gabi
Home Destaques Gabi Candido sobre a Seleção: “Me sinto mais preparada”
Destaques - Seleção Brasileira - 12 de agosto de 2019

Gabi Candido sobre a Seleção: “Me sinto mais preparada”

A segunda-feira marcará  o reencontro de Gabi Candido com a Seleção Brasileira. Em maio, a ponta do Sesi Bauru pediu dispensa e revelou sofrer de síndrome do pânico.

Agora, três meses depois, ela diz estar pronta para o desafio. Em 2019, a Seleção Brasileira ainda disputará o Sul-Americano e a Copa do Mundo.

– Dessa vez eu decidir ir, pois me sinto mais preparada para esse momento. É motivo de muita alegria e de grande importância na vida de uma atleta. Eles me deixaram muito tranquila para que seja um momento leve e até um recomeço pra mim – comentou Gabi.

Além dela, José Roberto Guimarães convocou a oposto Sheilla, a ponta Drussyla e a líbero Camila Brait.

Gabi Candido está em sua terceira temporada consecutiva no Sesi Bauru, e já atuou anteriormente em dois Mundiais: um pela Seleção infanto, conquistando o bronze, e o outro pelo juvenil, ao conquistar o vice-campeonato.

Para Anderson Rodrigues, treinador do Sesi Bauru, Gabi merece a oportunidade na Seleção Brasileira.

– Vejo que o seu desempenho na última temporada e o trabalho que desenvolvemos durante esse último ano tenham colaborado para sua convocação.

Natural de Tamboara (PR), Gabriela Candido da Silva tem 1,81m, 23 anos e já atuou por Maringá, Cascavel, Rexona e Sesi-SP.

LEIA MAIS:

+ De virada, Brasil confirma vaga em Tóquio no vôlei masculino

Macris fala ao Web Vôlei sobre Pan, Tóquio, Minas, futuro…

Seleção feminina carimba passaporte olímpico no sufoco

Entrevista com Fabi, bicampeã olímpica, hoje comentarista do Grupo Globo

Entrevista exclusiva com o comentarista Marco Freitas

 

Veja também

Edinara está fora da Superliga 2019/2020

Uma péssima notícia para o Pinheiros foi confirmada. A ponta/oposto Edinara está fora da S…