Home Seleção Brasileira Macris esclarece suposto desentendimento com Zé no Pan: “Não aconteceu nada”
Seleção Brasileira - 15 de agosto de 2019

Macris esclarece suposto desentendimento com Zé no Pan: “Não aconteceu nada”

Levantadora diz que relacionamento com o treinador segue bom e conta o que aconteceu

A levantadora Macris usou as redes sociais para esclarecer situação envolvendo o técnico José Roberto Guimarães na partida em que o Brasil perdeu para a Argentina por 3 sets a 0, na disputa pelo bronze no Pan-Americano de Lima, no Peru.

No terceiro set, Zé Roberto substituiu Macris. Eles disseram alguma coisa um para o outro em frente ao banco de reservas e depois o treinador apontou para o banco ordenando que ela se sentasse. As imagens (não dá para ouvir o áudio) repercutiram de forma negativa nas redes sociais e ficou parecendo que houve uma discussão e que o clima ficou pesado entre os dois.

– Pessoal, tudo bem? Só agora tive uma folguinha e resolvi falar um pouco mais sobre o último campeonato que participamos: os Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru! Antes de tudo, vale esclarecer não aconteceu nenhum desentendimento durante o Pan. No jogo contra a Argentina, perto do final, não compreendi o que o Zé falou e precisava sentar para o reinício da partida. Assim, fui para o banco e sentei, para conversarmos depois. Está tudo super bem entre a gente, ok!? Inclusive fui conversar com ele quando finalizou o jogo, especialmente para agradecê-lo por toda a oportunidade de aprendizado sempre (muito emocionada e feliz de enfim ter compreendido muitas coisas importantes dessa vida de atleta)!! Virada essa página, vamos em frente para os novos desafios! Obrigada pela torcida até aqui! Contamos com vcs! – escreveu a jogadora, eleita e melhor levantadora da Liga das Nações deste ano e atual campeã da Superliga com o Itambé/Minas.

– Muita gente veio me perguntar o que aconteceu no jogo da Argentina. E não aconteceu nada. Eu assisti às filmagens novamente para entender o que estava acontecendo e pelas filmagens pode até dar a entender que estava acontecendo uma discussão, mas a realidade  é que não aconteceu nada. São comunicações naturais de jogo, nada ofensivo ou constrangedor. É importante que nós, como atletas, saibamos absorver e captar da melhor maneira sempre. Acho que o técnico tem essa missão de cobrar, de ter essa exigência sobre os fundamentos e situações de jogo,  e isso é natural. Cabe ao atleta saber enxergar essa mensagem e essa orientação que faz toda a diferença para nós. Fiquem tranquilos, não aconteceu nada. E não acho justo que as pessoas fiquem com essa visão errada e essa interpretação equivocada que não aconteceu – completou Macris, em um vídeo publicado no Instagram.

View this post on Instagram

Pessoal, tudo bem? Só agora tive uma folguinha e resolvi falar um pouco mais sobre o último campeonato que participamos: os Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru! Antes de tudo, vale esclarecer não aconteceu nenhum desentendimento durante o Pan. No jogo contra a Argentina, perto do final, não compreendi o que o Zé falou e precisava sentar para o reinício da partida. Assim, fui para o banco e sentei, para conversarmos depois. Está tudo super bem entre a gente, ok!? Inclusive fui conversar com ele quando finalizou o jogo, especialmente para agradecê-lo por toda a oportunidade de aprendizado sempre (muito emocionada e feliz de enfim ter compreendido muitas coisas importantes dessa vida de atleta)!! No vídeo comentei sobre isso e sobre os nossos desafios do Pan… virada essa página, vamos em frente para os novos desafios! Obrigada pela torcida até aqui! Contamos com vcs! #gratidao #trabalhoemequipe #teamwork #amovolei #Lima #Peru #Brasil #CBV

A post shared by Macrís Carneiro (@macriscarneiro) on

Reapresentação

Macrís esteve nesta quinta-feira em Belo Horizonte e se apresentou ao técnico do Itambé/Minas, Nicola Negro, mas já retorna nesta sexta-feira para Saquarema, para a disputa dos amistosos contra a Argentina, domingo, às 10h10 (com TV Globo) e terça-feira, às 21h30 (com SporTV), em Suzano. Os Jogos servirão como preparação para o Campeonato Sul-Americano, que acontece entre o dias 28 de agosto e 1 de setembro, no Peru, e a Copa do Mundo, que será entre os dias 14 e 29 de setembro, no Japão.

LEIA MAIS:

Um papo com Antonio Rizola, técnico da Colômbia

A volta de Jaqueline ao Osasco/Audax

Macris fala ao Web Vôlei sobre Pan, Tóquio, Minas, futuro…

Seleção feminina carimba passaporte olímpico no sufoco

Entrevista com Fabi, bicampeã olímpica, hoje comentarista do Grupo Globo

Veja também

Em tie-break eletrizante, Minas perde para reservas do Cone, mas vê luz no fim do túnel

Foi um jogo de tirar o fôlego e de tirar o sono de quem se dispôs a ir madrugada adentro p…