Tandara
Home Superliga Tandara usará máscara diante do Itambé/Minas
Superliga - 13 de dezembro de 2019

Tandara usará máscara diante do Itambé/Minas

Quando se chocou com a ponteira Drussyla, na última terça-feira, tentando salvar uma bola no confronto com o Pinheiros, Tandara deixou dois sentimentos distintos em todos no Sesc RJ: preocupação com sua condição física e vibração pela entrega demonstrada em quadra. Naquele momento, o time carioca corria atrás do placar para fechar o jogo contra o adversário paulista. E conseguiu, com muita garra, chegar a mais um triunfo na Superliga feminina de vôlei, apesar de não ter mais a oposta em quadra. Agora, neste sábado, às 21h30, diante do Itambé/Minas, na Arena Minas, em Belo Horizonte, a expectativa é de mais uma pedreira. E para furar as pedreiras, nada melhor que contar com toda artilharia possível.

E para estar em quadra, Tandara contará com auxílio de uma máscara de fibra de carbono, produzida nos últimos dias especificamente para ela. Com o nariz fraturado, ela não conseguiria ficar fora de quadra num dos momentos em que o time mais precisa de seu voleibol.

– Não é das coisas mais bonitas da vida (a máscara), mas vai me proteger, que é o mais importante. Vou ter que jogar com ela e paciência. Quero muito estar em quadra, quero dar o meu melhor para o time, não estou satisfeita ainda com o que venho desempenhando, sei que tenho capacidade para crescer mais e vou crescer. Com certeza vou, mais uma vez, dar meu máximo neste sábado e, se Deus quiser, vai dar tudo certo – disse Tandara.

Com oito vitórias em oito compromissos pela Superliga, o Sesc tem mostrado um grande poder de reação quando se encontra em momentos difíceis. Uma qualidade e tanto para um time que ainda está em formação e em busca do seu melhor voleibol. E num jogo complicado e fora de casa, como esse contra o Minas Tênis Clube, esse fator pode ser decisivo.

– O time vem se reinventando nos momentos de dificuldade. No último jogo foi assim, no quarto set, contra o Pinheiros, estávamos em dificuldade e buscamos o placar. É sempre uma se doando pela outra, ajudando e buscando. Sem dúvida, esse é o ponto mais importante desse início de temporada para nós e nos ajudará bastante também contra o Minas – analisou a oposta.

Sobre o adversário deste sábado, atual campeão da Superliga e repleto de estrelas, Tandara deu dois caminhos para um bom resultado. De acordo com ela, o Sesc RJ precisa continuar com um serviço eficiente e também encontrar uma maneira de diminuir o poder ofensivo das mineiras. Indo bem nesses fundamentos e mantendo a regularidade, o time carioca estaria mais próximo de retornar ao Rio de Janeiro com mais folga na liderança e com sua invencibilidade intacta.

– Para conseguirmos uma vitória em Belo Horizonte será precisa sacar bem e amortecer os ataques delas no bloqueio. O Minas possui muitas atacantes boas e precisamos estar atentas a isso. Além disso, temos que manter nossa cabeça no lugar para não nos perdermos em quadra, não perdermos nossa consistência, que é o que tem nos levado às vitórias – finalizou Tandara.

Confira todas as transmissões de jogos da Superliga no fim de semana.

Veja também

Rússia convocada com Kosheleva e Goncharova

A seleção russa feminina foi convocada, nesta segunda-feira, para o início dos treinamento…