Brasil
Home Seleção Brasileira Desenhado outro grupo da morte para o Brasil no masculino
Seleção Brasileira - Tóquio-2020 - 12 de janeiro de 2020

Desenhado outro grupo da morte para o Brasil no masculino

"Sobrevivente" do grupo da morte em 2016, Brasil acabou arrancando para o título

A Seleção Brasileira masculina repetirá, em Tóquio-2020, a experiência da Rio-2016: disputará o grupo da morte na primeira fase.

Com a classificação do Canadá no Pré-Olímpico da Norceca, após a vitória sobre Porto Rico, neste domingo, a chave brasileira ganhou a presença da França, fazendo com que cinco candidatos ao pódio disputem quatro vagas para as quartas de final (veja abaixo).

Quatro anos atrás, Brasil e França fizeram um jogo eliminatório na última rodada da fase de grupos. Quem perdesse estaria fora, terminando em uma melancólica nona posição. Não julgo ser preciso relembrar o que aconteceu depois daquele jogo no Maracanãzinho…

Muitos atletas e integrantes de comissão técnica preferem tal cenário, permitindo que o time já jogue em altíssimo nível desde as primeiras rodadas.

Como já explicado na matéria da formação dos grupos do feminino, o vôlei leva em consideração o ranking para a formação das duas chaves de seis seleções. Neste cenário, o Japão, país-sede, escapa dos dois primeiros colocados da lista da FIVB, além de obrigatoriamente encarar o país pior ranqueado.

Grupo A

Japão (10ª do ranking)
Polônia (3)
Itália (4)
Canadá (7)
Irã (8)
Venezuela (36)

Grupo B

Brasil (1)
EUA (2)
Rússia (5)
Argentina (6)
França (9)
Tunísia (22)

 

Veja também

Scandicci rescinde com Adenízia e jogadora está de volta à Superliga

O Scandicci anunciou, nesta sexta-feira (17), por meio de um comunicado oficial, que resci…