Coronavírus
Home Praia Coronavírus: etapa de vôlei de praia na China é adiada
Praia - 17 de fevereiro de 2020

Coronavírus: etapa de vôlei de praia na China é adiada

Federação Internacional confirmou o adiamento da etapa por conta da epidemia de coronavírus

A Federação Internacional (FIVB) confirmou, nesta segunda-feira, o adiamento da etapa de Yangzhou pelo Circuito Mundial de vôlei de praia por conta do surto de coronavírus (COVID-19) na China.

O evento quatro estrelas (os torneios principais possuem cinco) estava marcado para acontecer entre 22 e 26 de abril. A entidade não informou uma nova data para a realização da etapa. A única certeza é de que ela não acontecerá antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em julho e agosto.

A competição em Yangzhou serviria para a corrida olímpica. Diferentemente do Brasil, com as duplas já definidas para os Jogos após os resultados do ano passado, vários países utilizam como critério para definição as etapas do Circuito Mundual, somando eventos de 2019 com os da atual temporada.

Segundo a nota da FIVB, “a saúde e o bem-estar dos atletas, árbitros e torcedores são a prioridade da entidade”. A entidade acrescenta ainda seguir monitorando a situação na China, consultando as autoridades do país, além de organizações globais, como a OMS (Organização Mundial de Saúde), para assegurar ter sempre as informações mais atualizadas sobre a epidemia.

Vale lembrar que a Liga das Nações de vôlei tem, inicialmente, oito etapas marcadas para acontecer em território chinês, inclusive as finais do feminino. É bem provável uma mudança nas próximas semanas, já que o cenário sanitário ainda é alarmante.

O coronavírus já infectou mais de 70 mil pessoas na China, com 1.800 mortos.

Veja também

Jaque e Ellen em aula de zumba online neste sábado

Em mais uma ação conjunta entre o departamento de marketing e a área técnica do Osasco Aud…