Rodriguinho
Home Destaques Rodriguinho liberado após suspensão por doping
Destaques - Fora de Quadra - 26 de março de 2020

Rodriguinho liberado após suspensão por doping

O jogador do Sada Cruzeiro cumpriu seis meses de afastamento

O ponta Rodriguinho já pode voltar ao vôlei. Ele cumpriu seis meses de uma suspensão voluntária por doping. O resultado deu positivo durante os Jogos Pan-Americanos de Lima, por uso de um estimulante proibido pela Wada, a Agência Mundial Antidoping: o oxilofrina.

A defesa do jogador provou ter havido uma contaminação de um suplemento importado e que era utilizado por Rodriguinho.

Durante a ausência, o jogador do Sada Cruzeiro passou por uma cirurgia no ombro e focou na recuperação. Proibido até de treinar com o grupo, Rodriguinho era presença constante nos jogos em casa para torcer pelos companheiros. Durante o Mundial de Clubes, em Betim, por exemplo, estava sempre dando força ao time.

Livre para voltar a jogar, Rodriguinho pensa em recuperar o espaço perdido no clube e na Seleção.

– Feliz pois conseguimos provar que não houve intenção. Quanto ao treinamento, eu não podia treinar com a equipe durante o período. Foquei na recuperação da minha cirurgia do ombro e, quando podia, fazia algo sozinho separado da equipe. Acredito que o adiamento das Olimpíadas possa ser algo bom para mim. Com ela agora, seria praticamente impossível de participar. Para o ano que vem, tenho um tempo maior para recuperar meu nível de jogo e fazer o meu melhor. Para aí sim, quem sabe merecer uma oportunidade – disse o jogador de 23 anos ao Globo Esporte.

Veja também

Fawcett: “Foi difícil decidir se era a hora de parar”

A interrupção da Superliga Banco do Brasil feminina antecipou uma difícil decisão para a a…