Gisele Miró Curitiba
Home Destaques Curitiba Vôlei: “Vamos seguir firmes na Superliga”
Destaques - Superliga - 22 de julho de 2020

Curitiba Vôlei: “Vamos seguir firmes na Superliga”

Gisele Miró, do Curitiba Vôlei, garante que time vai disputar a Superliga

A diretora do Curitiba Vôlei, Gisele Miró, garantiu, nesta quarta-feira (22.07), que o time vai seguir firme na Superliga Feminina 2020/2021. O time ainda depende do aval oficial da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) já que as contas relativas à temporada passada não foram aprovadas – há pendências financeiras com uma jogadora, provavelmente a líbero Aninha, que recentemente veio à público denunciar atrasos de pagamento que foram, no entanto contestados pela dirigente – e a Universidade Positivo retirou o patrocínio da equipe.

Ainda assim, Miró garante que a equipe estará presente na próxima Superliga. O caso com a líbero Aninha foi parar na Justiça da CBV. A diretora diz ter os comprovantes de que todos os salários foram quitados, o que, em teste, garantiria o fair play financeiro exigido pela CBV para que o clube tenha condições de se inscrever na próxima Superliga.

Em um vídeo publicado no Instagram do Curitiba Vôlei nesta quarta-feira, Miró falou sobre as denúncias da jogadora no último mês, disse ter ficado “surpresa” com o ocorrido, falou que o time vai dar a volta por cima e que acredita que vai conseguir patrocínios para que a equipe dispute a próxima Superliga.

Veja abaixo o depoimento da dirigente:

“Sofri bastante nos últimos dias, assim como todo mundo que conhece o projeto, que sabe da sua seriedade, conseguimos a vaga na quadra, conquistando a Superliga B. Há quinze anos a gente tinha saudade, desde a equipe do Rexona. Foi difícil, batalhado, mas foi na quadra. Nos últimos 30 dias o Curitiba foi detonado com matérias inverídicas. Quem conhece o projeto, quem conhece a minha pessoa sabe da seriedade, sabe que tinha alguma coisa muito errada na história toda.

Eu não esperava… eu preferi ficar quieta. Porque eu vi que uma vírgula que eu falasse poderia ser mal interpretada por pessoas que queriam fazer mal para o Curitiba Vôlei. Hoje eu queria falar para vocês que demos a volta por cima, estamos ressurgindo das cinzas, como uma verdadeira fênix, sempre com o espírito que os torcedores sempre colocaram de time de guerreiras. Sei da dificuldade da economia mundial, mas sei também que existem empresários que conseguem enxergar oportunidade na crise e vamos tentar fazer o que a gente sempre fez, que é focar no time e colocar o projeto acima de qualquer coisa. Somos uma equipe jovem, uma equipe menor, que está sempre entre os grandes.

Vamos focar em pessoas sérias, que tenham paixões, as notícias boas estão chegando, vacinas estão começando a dar certo. Vou conseguir convencer empresários a investir no esporte, no time… essa é a minha expectativa. Porque o esporte é a ferramenta para tudo. E a nossa ideia do time sempre foi uma equipe para servir de espelho para as novas gerações. Tenho certeza que o Curitiba Vôlei vai continuar dando certo. Vamos seguir firme na Superliga sim”, disse Miró.

Veja também

Sada Cruzeiro não dá chances ao Ribeirão

Líder isolado da Superliga masculina, o Sada Cruzeiro chegou à 15ª vitória pelo placar de …