González
Home Destaques Renovado, González enaltece “segunda casa brasileira”
Destaques - Vaivém - 2 de julho de 2020

Renovado, González enaltece “segunda casa brasileira”

Levantador seguirá no Vôlei Renata por mais uma temporada

O primeiro nome confirmado para elenco do Vôlei Renata, nesta quinta-feira, para a temporada 2020/2021 é o do levantador Demian González.

Capitão do time campineiro nas últimas duas temporadas, o argentino teve seu contrato renovado. A história de González no projeto campineiro pode ser contado em dois capítulos. O primeiro começou em 2015 e terminou com a disputa da final da Superliga 2015/2016, em Brasília. O bom desempenho em Campinas levou o jogador para os Jogos Olímpicos Rio-2016. Em seguida, depois de passagens por Turquia e Argentina, ele voltou ao Vôlei Renata para começar a escrever a segunda parte da história em 2017.

– Claramente é um dos lugares que mais me sinto confortável, tanto jogando como fora das quadras. Fizemos grandes campanhas como a Superliga 15/16 e o Paulista do ano passado, sempre jogando de igual para igual contra todos os times. Me sinto muito identificado com o projeto, gosto da cidade e de todos que estão envolvidos no time. É uma felicidade imensa permanecer – comenta o argentino.

Desde seu retorno, o levantador ajudou o Vôlei Renata a chegar em três finais, incluindo a do Paulista em 2019, na qual o time campineiro terminou a primeira fase invicto, e na conquista do título da Copa São Paulo do mesmo ano. Além disto, usou sua experiência para reger a equipe dentro de quadra em campanhas inesquecíveis na Superliga, incluindo a da última temporada, na qual os campineiros terminaram entre os cinco melhores.

– Estávamos em um grande momento, tanto na parte tática quanto na técnica. Tínhamos um time maduro e com boas expectativas de brigar com os líderes. A Superliga acabou com a pandemia do corona e não conseguimos terminar o ano da melhor maneira. Estivemos em duas finais, vencemos uma e acabamos superados em outra, por muito pouco, no golden set – acrescenta o levantador.

Apesar da paralisação forçada e das férias estendidas, González acredita que o Vôlei Renata pode repetir o desempenho da última temporada e ir além, alcançando novos patamares.

– Todos anos temos novos objetivos e são todos muito desafiantes. A temporada já começa diferente por tudo que está acontecendo no mundo, mas as expectativas são as melhores. Tenho certeza que o time vai ser forte e que vamos crescer a cada semana e treino. Estou muito ansioso em começar a treinar – complementa.

As três temporadas em Campinas fizeram com que González se tornasse um dos dez atletas que mais vestiram a camisa do projeto, com 113 aparições. Essa identificação se tornou uma brincadeira recorrente do levantador. Ele costuma falar que é brasileiro.

– Eu vivi quase toda minha vida na Argentina e gostei demais de Campinas. Estou no lugar certo e vejo minha família muito feliz. Meus filhos estão na fase de alfabetização, cantam o hino nacional do Brasil na escola, desenham a bandeira, então é uma brincadeira que vai aumentando. Falo com meus amigos e familiares que estão na Argentina que sou brasileiro e eles ficam meio bravos. Cada dia que passa gosto mais daqui e o mais importante que minha mulher e meus filhos estão felizes aqui. Tudo se deve ao trato que tivemos pelo projeto desde nossa chegada, que fez nos sentirmos bem desde o começo – encerra González.

Veja também

Pinta pede passe na mão de William por “novas magias”

O Fiat/Minas está em um bom momento na Superliga Banco do Brasil 2020/21, após conquistar …