Maique
Home Destaques Renovado, Maique não desiste do sonho olímpico
Destaques - Seleção Brasileira - Tóquio-2020 - Vaivém - 3 de julho de 2020

Renovado, Maique não desiste do sonho olímpico

Jogador irá para quinta temporada no Minas

O líbero Maique irá para a quinta temporada no Fiat/Minas em 2020/2021. Com o contrato renovado, ele sabe da importância dos próximos meses. Com o adiamento da Olimpíada para o próximo ano, ele ganhou tempo na disputa com Thales pela condição de líbero entre os 12 convocados para a competição.

Perto de completar 23 anos, Maique teve chances com Renan Dal Zotto neste ciclo olímpico, mas viu o “rival” ser usado com mais frequência como titular e ganhar espaço na disputa.

– Quero tentar, da forma como for possível, tentar ignorar o que a pandemia trouxe de negativo e seguir crescendo. Aos poucos, a situação volta ao normal e preciso focar no meu trabalho. Será uma temporada dura, preciso brigar por uma vaga na Olimpíada. Vou seguir acreditando no meu potencial, dando minha entrega diária e deixar a decisão nas mãos de Deus – disse o jogador, em entrevista ao Jornal O Tempo.

Sobre a temporada no clube mineiro, Maique se vê como uma das referências do elenco e assim com maior responsabilidade:

– Com o tempo passando, esta missão aumenta. Viro uma referência para os mais novos, para passar experiência, e também para quem chega agora, já que estou mais habituado à filosofia e ao trabalho do Nery – comentou.

Ainda não existe uma data oficial para a volta aos treinamentos (uma previsão de início das competições é setembro). O Minas Tênis Clube, por exemplo, segue fechado para associados e atletas, respeitando as restrições da prefeitura de Belo Horizonte por conta da pandemia do coronavírus.

– Vai ser muito estranho jogar sem torcida, acho que muitas outras coisas vão mudar também, será algo necessário. Talvez o formato de algum torneio, acho que vai ser uma temporada atípica e precisaremos nos adaptar a isso.

Além de Maique, o Minas pretende manter outros jovens talentos, como o ponta Honorato e central Matheus Pinta. Também já existem acordos apalavrados com o levantador William Arjona e o oposto cubano Escobar. Da base utilizado no ano passado, o levantador Rodrigo Ribeiro se transferiu para a Romênia, o oposto Felipe Roque foi para o EMS/Taubaté, enquanto o central Deivid usou as redes sociais para se despedir.

Veja também

Osasco vence o clássico e segue na cola do líder Praia

Agora restam apenas dois invictos na Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21: o líder D…