Home Destaques Líbero Gian encara mais um desafio na vida
Destaques - Fora de Quadra - 26 de agosto de 2020

Líbero Gian encara mais um desafio na vida

Gian foi diagnosticado com câncer de intestino

O líbero Gian Moraes, que na última Superliga defendeu o Vôlei UM/Itapetininga, vai encarar mais um desafio na carreira e na vida. Depois de sofrer um grave acidente em 2018, quando defendia o Caramuru e precisou passar por diversas cirurgias corretivas no rosto, o jogador anunciou, na terça-feira (25.08) que descobriu um câncer de intestino.

– Esse ano de 2020 sem dúvida vai deixar algumas marcas em nós, tempo de crises e batalhas. A verdade é somos todos carentes e dependentes da misericórdia de Deus. Eu tinha uma resistência com as minhas cicatrizes, depois de um tempo eu comecei a ter um pouco mais de carinho por elas, percebi que por mais que algumas delas tenham ferido a minha estética, todas elas apontam pro meu milagre. Porque eu estou falando isso? A vida muitas vezes traz algumas surpresas. De uns dias pra cá eu comecei a sentir umas dores na barriga, achei que poderia ser uma apêndice e os médicos também, mas quando estava na sala de cirurgia os médicos descobriram um tumor no intestino , no cólon – contou Gian.

– Foi um susto muito grande, fiquei anestesiado com a notícia, porque nunca senti dor nenhuma. Essa vida de atleta nos ensina a ser forte, corajoso, virar a chave a rápido nas dificuldades e é assim que eu vou encarar – completou o líbero.

View this post on Instagram

Esse ano de 2020 sem dúvida vai deixar algumas marcas em nós, tempo de crises e batalhas. A verdade é somos todos carentes e dependentes da misericórdia de Deus. Eu tinha uma resistência com as minhas cicatrizes, depois de um tempo eu comecei a ter um pouco mais de carinho por elas, percebi que por mais que algumas delas tenham ferido a minha estética, todas elas apontam pro meu milagre. Você vai carregar cicatrizes desse ano e quando vc olhar pra elas e ver que estão fechadas, vc vai se lembrar que no ano da maior crise da sua história, Deus veio com a maior intervenção de milagres na tua vida. No ano da maior crise financeira global, vc experimentou o maior cuidado de Deus sobre vc. No ano da maior incerteza, Deus se revelou de uma forma NOVA pra sua VIDA. Porque eu estou falando isso? A vida muitas vezes traz algumas surpresas. Eu descobri que sou rodeado de pessoas do bem e que torcem por mim, recebi mtas msgs perguntando aonde eu iria jogar esse ano,se estava tudo bem, por isso resolvi compartilhar com vcs o meu mais novo desafio. De uns dias pra cá eu comecei a sentir umas dores na barriga, achei que poderia ser uma apêndice e os médicos tb, mas qdo estava na sala de cirurgia os médicos descobriram um Tumor no intestino , no colon. Foi um susto muito grande, fiquei anestesiado com a notícia, pq nunca senti dor nenhuma. Essa vida de atleta nos ensina a ser forte, corajoso, virar a chave a rápido nas dificuldades e é assim que eu vou encarar. Isso não é uma despedida do Vôlei ,e sim uma pausa, ainda tenho muitos sonhos pra realizar, mas esse tempo vai ser pra eu me cuidar e sarar logo. Talvez esse seja o “JOGO “ mais difícil da minha vida. Hoje começa o meu tratamento,eu sei o DEUS que eu creio e a Fé que carrego dentro de mim, a vida é uma só , mas as vezes ela se multiplica e eu sou prova VIVA disso. Eu estou pronto pra luta e conto com Amor e carinho de todos vcs. Não fui eu que ordenei a você? Seja forte e corajoso! Não se apavore nem desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar. Josué 1:9 #Força #DeusnoComando #Seguimos #blessed #GM18 💪🏽🙏🏼🙌🏼✨🏐

A post shared by Gian Moraes ® (@gianmoraes) on

Em 2018, ele estava saindo de casa, em sua cidade-natal, Curitiba, para se apresentar ao Caramuru, a cerca de 100 quilômetros de distância, quando seu carro foi atingido por outro automóvel que vinha na direção contrária, na contra-mão. Ele perdeu os sentidos e acordou já no hospital, onde passou por várias cirurgias na mão direita e no rosto – precisou colocar pinos de metal na face.

Mesmo assim, dois meses depois do acidente ele começou a treinar com bola. No início das atividades, no entanto, sentiu uma lesão no joelho. Conseguiu se recuperar sem a necessidade de cirurgia, mas o retorno às quadras foi retardado mais algumas semanas. Gian voltou a jogar no final do Campeonato Paranaense e acabou sendo um dos destaques daquela Superliga.

– Isso não é uma despedida do vôlei ,e sim uma pausa, ainda tenho muitos sonhos pra realizar, mas esse tempo vai ser pra eu me cuidar e sarar logo. Talvez esse seja o “jogo” mais difícil da minha vida. Hoje começa o meu tratamento,eu sei o Deus que eu creio e a fé que carrego dentro de mim, a vida é uma só, mas as vezes ela se multiplica e eu sou prova viva disso. Eu estou pronto pra luta e conto com amor e carinho de todos vocês – escreveu Gian em seu perfil no Instagram.

Amigos e clubes se manifestaram e deram força ao jogador.

O América Montes Claros, primeiro time de Gian na carreira profissional, desejou melhoras:

– Nós, do Montes Claros América Vôlei, desejamos toda força e coragem ao atleta Gianzinho, que está enfrentando uma nova batalha fora das quadras. Gian teve passagens pelo Montes Claros Vôlei por 3 temporadas. Força Gian!

Itapetininga também postou uma mensagem de apoio ao seu ex-líbero.

– Pequeno no tamanho mas gigante no coração… na garra… na vida! Temos a certeza que você vai vencer mais esse jogo! Conte com a nossa torcida e nossas orações sempre Gian. Todos por um.

O EMS/Taubaté foi outro clube a desejar melhoras ao líbero:

– Nós, do EMS Taubaté Funvic, externamos nosso apoio, orações e toda positividade ao atleta de voleibol Gianzinho, que iniciou mais uma luta fora das quadras. Que esta batalha seja vencida logo, e que você esteja plenamente recuperado e possa voltar às quadras muito em breve – postou o clube.

 

Veja também

Osasco vence o clássico e segue na cola do líder Praia

Agora restam apenas dois invictos na Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21: o líder D…