Civitanova
Home Internacional Civitanova e Perugia na final da Supercopa
Internacional - 20 de setembro de 2020

Civitanova e Perugia na final da Supercopa

Semifinais tiveram emoção de sobra neste domingo

Os favoritos Civitanova e Perugia estão na decisão da Supercopa de Itália. Mas não tiveram facilidade para a garantia das vagas, neste domingo.

Em casa, o Civitanova precisou do golden set para eliminar no Trentino, vencendo o “tempo normal” com parciais de 25-18, 22-25, 25-19, 20-25 e 15-11. No desempate, já que time de Trento havia ganhado o jogo de ida também por 3 a 2, deu o atual campeão mundial por 15 a 12.

Os maiores pontuadores do duelo foram os holandeses Kooy (ponta) e Abdez-Aziz (oposto), ambos do Trentino, com 22 acertos cada. Lucarelli, poupado na semana passada, foi pouco utilizado pelo técnico Angelo Lorenzetti, entrando em três sets, terminando com um ponto, no saque.

Pelo Civitanova, a dupla Leal-Simon se destacou, com 19 e 16 pontos, respectivamente. Para o ponta foram 14 no ataque (47% de aproveitamento), quatro bloqueios e um ace. Já o central fez nove no ataque (64% de acerto), dois no bloqueio e cinco cinco no saque.

Na outra semifinal, o Perugia perdeu para o Modena por 3 a 2 (25-22, 25-20, 14-25, 26-28 e 15-12) e avançou por ter vencido o duelo de ida em sets diretos.

Jogando em casa, o Modena teve dois match points no quarto set. Se tivesse convertido um deles, teria levado a definição para o golden set. Após ganhar a quarta parcial, Vital Heynen substituiu os titulares.

O ponta polonês Leon marcou 21 pontos para o Perugia: 17 no ataque e quatro no saque. O canadense Vernon-Evans, que tem substituído Atanasijevic, o ponta ucraniano Plotnytskyi e o central argentino Solé fizeram mais 12 cada.

Pelo Modena, o ponta sérvio Petric anotou 15 pontos, seguido pelo centra Mazzone, com 12.

A decisão em jogo único acontecerá na cidade de Verona, na próxima sexta-feira. O jogo seria realizado na arena da cidade, um dos patrimônios históricos do país, mas foi transferido para o ginásio, com o temor de a umidade atrapalhar o jogo, repetindo o acontecido com o feminino, em Vicenza.

Veja também

Mineiros vencem na abertura da 7ª rodada da Superliga

A rodada deste sábado na Superliga Masculina 2020/21 foi dos mineiros. Sada/Cruzeiro, Amér…