Thales
Home Destaques Thales sobre o Paulista: “Somos favoritos. Temos que lidar bem com isso”
Destaques - Estaduais - 4 de setembro de 2020

Thales sobre o Paulista: “Somos favoritos. Temos que lidar bem com isso”

Líbero falou sobre o trabalho do EMS/Taubaté neste primeiro mês de treinos

O EMS/Taubaté Funvic entrou na terceira semana de trabalhos e já visa a estreia no Campeonato Paulista, no dia 18 de setembro contra o Vedacit Guarulhos, no Abaeté. Dentre os mais antigos do elenco, está o líbero Thales, de 31 anos, que vai para sua quarta temporada vestindo a camisa taubateana.

O jogador da Seleção está animado com a sequência no projeto.

– O sentimento é de felicidade. Fiz três boas temporadas aqui no Taubaté e fiquei muito feliz com a recepção da torcida e do povo taubateano. Minha família se adaptou muito bem à cidade, e me sinto em casa aqui. Vou com muita motivação para mais esta temporada defendendo essa camisa – comentou Thales.

Depois das férias forçadas por conta da pandemia do coronavírus, Thales comentou sobre o retorno aos treinos, agora sob o comando do argentino Javier Weber.

– Temos treinado com bastante intensidade, buscando entender como o Weber quer o sistema de jogo e o trabalho tem sido muito bom. A pegada é forte, e precisa ser para nós estarmos devidamente preparados, já que a temporada será longa e bem desgastante – disse o líbero.

Com a volta dos treinos com bola, o líbero já vê avanços na performance do time:

– Conseguimos recuperar bem rápido essa parte técnica, fundamentos e o contato com bola. Foi realmente muito tempo longe das quadras, mas pelo menos da minha parte, por conta de estarmos no voleibol há muito tempo, em uma ou duas semanas já retomei o ritmo técnico.

Tricampeão paulista com Taubaté, Thales admite o peso do favoritismo para mais uma conquista estadual (confira aqui a tabela do Campeonato Paulista masculino).

– Minha expectativa para o Paulista é que, apesar de este ano ser uma competição menor e com formato bem curto, seja um campeonato difícil. Mas nós somos favoritos, temos que lidar bem com isso, e o Estadual também servirá de preparação para o restante da temporada. Precisamos trabalhar bem para entrosar todo o grupo, já que temos várias peças novas no time. E entrosamento vem com os jogos, quanto mais nós jogarmos juntos, mais o time vai ganhando corpo para a sequência da temporada.

Sobre a busca pelo entrosamento dentro de quadra, Thales destaca que apesar da pré-temporada enxuta e do menor número de jogos no Campeonato Paulista, o fato dele conhecer a maioria dos reforços que chegaram ao Taubaté, ajuda muito.

– Como todo ano o time mantém uma base e chegam peças novas. Felizmente eu conheço a maioria dos atletas novos, por ter jogado junto na Seleção Brasileira e também em outros clubes. De qualquer forma, estamos há um bom tempo sem jogar juntos, então treinos e jogos serão o caminho para nós retomarmos essa intimidade dentro de quadra e acertar o entrosamento.

Por fim, ele falou sobre como será jogar sem torcida no Paulista:

– Eu nunca vivi essa experiência de jogar sem torcida, vai ser uma coisa nova. Mas espero que nós estejamos preparados para essa realidade. Principalmente aqui em Taubaté, onde a torcida é muito forte, sempre presente e nos apoiando muito. Infelizmente, vamos ter que nos acostumar. Tomara que logo os torcedores possam estar de volta aos ginásio, pois para nós esse apoio e energia positiva é fundamental.

Veja também

Fabiana: “Precisamos de várias Anas Cristinas”

Em entrevista ao site Globoesporte.com, publicada nesta sexta-feira, a bicampeã olímpica F…