Saquarema
Home Praia Vôlei de praia brasileiro retorna com quali em Saquarema
Praia - 17 de setembro de 2020

Vôlei de praia brasileiro retorna com quali em Saquarema

Confira as duplas classificadas para a chave principal

A bola e a areia voltaram a subir em partidas oficiais do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia. Depois de um intervalo de pouco mais de seis meses em razão da pandemia, uma nova temporada do tour nacional deu início ao retorno das competições, no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ).

Ao longo desta quinta-feira, 20 duplas entraram em ação pela fase do qualifying. Quatro duplas avançaram à fase de grupos: Érica Freitas/Thati (MG/PB), Rosimeire/Talita (AL/CE), Victoria/Ana Luiza (CE/SC) e Vivian/Jéssica (PA).

A primeira parceria a garantir um lugar entre as melhores do ranking foi Érica Freitas e Thati (MG/PB) que passaram por Carol Ferraris/Ingridh (RJ/PR) por 2 sets a 0 (21/11 e 21/12). Após a partida Thati comentou sobre o sentimento de voltar a competir, ainda mais tendo que enfrentar uma fase qualificatória.

– A gente passou por um misto de emoções. Por um lado, temos a ansiedade de ter passado quase seis meses sem fazer nada, por outro a vontade de estar de volta à quadra. Conseguimos canalizar isso para o lado positivo e alcançamos a vitória. Estamos ainda nos adaptando aos novos protocolos, mas vamos agora entrar no torneio com tudo que temos – contou Thati.

Outra dupla que avançou na rodada desta quinta-feira foi Vivian/Jéssica (PA). As paraenses levaram a melhor sobre Juliana Simões/Cacá Richa (PR/RJ) em uma equilibrada partida decidida apenas no terceiro set (21/18, 20/22 e 15/13). Para Viviam, retornar ao CDV foi uma experiência que trouxe boas lembranças.

– Infelizmente tivemos essa pandemia que interrompeu nossas vidas, causou tantas tristezas. Foi muito complicado ficar tanto tempo sem poder competir, não poder fazer nada. Mas eu creio que tudo voltará ao normal. É bom demais poder voltar a jogar aqui em Saquarema, com essa estrutura fantástica, eu fiquei aqui em 2003 no projeto de novos talentos, e fico feliz em voltar – disse Vivian.

Com três jogos disputados no qualificatório, a jovem parceria formada por Victoria ‘Tory’ Paranaguá e Ana Luiza (CE/SC) também garantiu um lugar entre as melhores do torneio. Para avançar à chave principal Tory e Ana superaram Bárbara Ferreira e Flávia Moura (RJ) por 2 sets a 1 (21/9, 18/21 e 15/11).

– Eu ainda nem consegui pensar que nós vencemos e nos classificamos. O mais importante é saber que desenvolvemos ritmo de jogo, que é aquilo que todas perderam nesta parada forçada. A CBV deu esta oportunidade para a gente voltar e estou muito grata. Estou me sentindo bem segura aqui e agora vamos encarar mais um desafio = comentou Tory.

Rosimeire Lima/Talita (AL/CE) completa a lista de classificadas. A dupla entrou em quadra duas vezes nesta fase classificatória e conseguiram avançar para o torneio principal depois de vencer Dany/Rita (MS/RJ), de virada, por 2 sets a 1 (24/26, 21/19 e 15/10).

– Confesso que fiquei muito ansiosa para este retorno, e estou muito contente em poder voltar a jogar. Mesmo sem público a emoção continua a mesma. Foram dois jogos muito duros com três sets – explicou Rosimeire.

O torneio principal começa nesta sexta-feira, a partir das 9h, com 16 equipes divididas em quatro grupos. Além das quatro parcerias classificadas hoje, outros 12 duplas já estavam garantidas pelo ranking de entradas: Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE); Ágatha/Duda (PR/SE); Talita/Carolina Solberg (AL/RJ); Victoria/Tainá (MS/SE); Bárbara Seixas/Carol Horta (RJ/CE); Juliana/Josi (CE/SC); Hegê/Ângela (CE/DF); Val/Aline Lebioda (RJ/SC); Andressa/Vitoria (PB/RJ); Andrezza/Neide (AM/AL); Elize Maia/Juliana Simões (ES/PR) e Taiana/Paula Pequeno (CE/SP).

A competição não conta com público presente, mas todas as partidas são transmitidas pelo Canal Vôlei de Praia TV (http://www.voleidepraiatv.cbv.com.br/) e pela página da CBV no Facebook.

Veja também

Carla reencontra Minas após última e rápida passagem

Carla era uma das caras novas do Itambé/Minas para a temporada 2020/2021. Um retorno para …