Osasco Paulista
Home Estaduais Osasco é o segundo finalista do Paulista
Estaduais - 13 de outubro de 2020

Osasco é o segundo finalista do Paulista

Time repetiu o 3 a 0 da primeira semifinal contra o São Paulo/Barueri

O Osasco/São Cristóvão Saúde está em mais um decisão de Campeonato Paulista, a décima. Nesta terça-feira, o time de Luizomar de Moura venceu pela segunda vez na semifinal o São Paulo/Barueri por 3 sets a 0, parciais de 25-15, 25-19 e 25-20.

A oposta Tandara foi a maior pontuadora do confronto, com 16 pontos. Pelo Barueri, Lorrayna pontuou 13 vezes.

O Ginásio José Liberatti, palco do duelo de hoje, receberá a primeira partida das finais contra o Sesi Bauru, no sábado, às 21h30. O segundo duelo acontecerá no Panela de Pressão, em Bauru, na próxima terça, no mesmo horário. Ambos terão exibição pelo SporTV2.

Para carimbar seu passaporte para a final, Osasco foi soberano no primeiro set. Luizomar repetiu a escalação do jogo anterior, com Camila Paracatu no lugar de Bia. O time imprimiu um bom ritmo de saque e esteve muito bem na virada de bola. Por outro lado, o Tricolor teve muitas dificuldades no ataque. Kisy, titular na saída de rede, acabou substituída por Lorrayna. A alteração, que deu certo em outros momentos do Estadual, não foi capaz de conter o ímpeto das donas da casa.

No segundo e terceiro sets, o São Paulo/Barueri conseguiu equilibrar as ações até a metade das parciais. Ainda assim Osasco esteve quase sempre no comando do placar. Em alguns momentos, a juventude e a inexperiência das “Chiquititas”, apelido recebido dos torcedores nas redes sociais, pesaram. Faltaram malícia para tentar explorar uma mão de fora no ataque e tranquilidade para jogar a responsabilidade para o outro lado. Faz parte do processo de crescimento, mesmo deixando José Roberto Guimarães bem insatisfeitos em alguns pedidos de tempo, com o técnico exigindo taticamente pontos que não estavam sendo cumpridos à risca.

Osasco
Bloqueio montado do Osasco no ataque de Maira (João Pires/Fotojump)

Osasco, por sua vez, abusou das largadas quando se deparou com o bom bloqueio do rival pela frente. E viu uma boa distribuição de Roberta para o seu leque poderoso de atacantes.  A equipe parece bem mais solta em comparação com atuações ruins na fase de classificação.

Depois de vingar o rival que ficou com o título na temporada passada, Osasco terá a chance da revanche contra o adversário que o venceu na fase de classificação e segue invicto até aqui. Façam suas apostas!

Osasco São Cristóvão Saúde: Roberta (3), Tandara (16), Jaque (9), Tainara (9), Mayany (8), Paracatu (4) e a líbero Camila Brait. Técnico: Luizomar. Entraram: Gabi Cândido (3), Ana Medina.

São Paulo Barueri: Diana (1), Maira (11), Kisy, Lorena (3), Karina (9), Kenya (1) e a líbero Nyeme. Técnico: José Roberto Guimarães. Entraram: Lorrayna (13), Jheovana (1), Jackie, Dani Terra, Daniela (3).

Veja também

Definidas as semis da 5ª etapa do Circuito Brasileiro

Agora é disputa pelo pódio em Saquarema (RJ). Pela manhã e no início da tarde deste sábado…