Ágatha e Duda
Home Praia Ágatha e Duda são campeãs e abrem vantagem no ranking
Praia - 22 de novembro de 2020

Ágatha e Duda são campeãs e abrem vantagem no ranking

Debaixo de muita chuva, Ágatha e Duda (PR/SE) conquistaram o título da quarta etapa do Circuito Brasileiro Open de Vôlei de Praia 20/21 – o segundo delas na temporada atual. No início da noite deste domingo (22.11), a dupla formada pela paranaense e pela sergipana, que representará o Brasil em Tóquio no ano que vem, venceu Talita/Carol Solberg (AL/RJ) por 2 sets a 0 (21/12 e 21/11). A competição aconteceu mais uma vez no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ).

O ouro nesta etapa é o oitavo do time formado por Ágatha e Duda. A vitória rendeu 400 pontos no ranking da temporada, e a dupla aumentou a vantagem na liderança com 1520 pontos. A segunda posição está com Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), que tem 1400. Talita e Carol Solberg (AL/RJ) somam 1240, e estão em terceiro.

Ágatha chega agora a 15 títulos de etapas de Open, e ainda foi o destaque do jogo final, escolhida como a melhor do confronto em eleição dos internautas. Após a quarta decisão consecutiva na temporada nacional, a medalhista olímpica destacou o foco do time em corrigir os erros, e mostrar evolução a cada torneio.

Ágatha e Duda
(Wander Roberto/Inovafoto)

– Esta foi a quinta final que fizemos. Foram os quatro eventos do Circuito Brasileiro, e ainda jogamos o torneio na Holanda em setembro. Nós estamos ficando insatisfeitas com nossos erros, não estamos nos acomodando, é o nosso combustível. A cada etapa nós analisamos o que não funcionou e voltamos a trabalhar nisso. Enfrentamos um time muito forte e experiente, usamos uma tática surpresa e deu muito certo – comentou Ágatha.

Duda conquistou o nono título de open da carreira. A jovem sergipana não se incomodou com a chuva constante que caiu ao longo de todo o jogo, e ainda enalteceu o trabalho feito pela comissão técnica para a conquista de mais um resultado positivo.

– Jogar nessa chuva tem que colocar um ponto positivo, se divertir na chuva ou no sol. É isso o vôlei de praia. Então a gente acaba pegando essas coisas para se motivar ainda mais e fazer o nosso melhor. A gente tem um time dedicado e nunca está na zona de conforto. Isso faz com que a gente cresça a cada jogo, a cada torneio. Só tenho a agradecer nossa comissão, que focou, ficou junto, todo mundo estudou o que tinha que melhorar – disse Duda.

Ágatha e Duda
Ágatha passa (Wander Roberto/Inovafoto)

Bronze para Ana Patrícia e Rebecca

A partida que inaugurou a rodada noturna deu a medalha de bronze para Ana Patrícia e Rebecca. A dupla, que é a atual campeã brasileira, venceu Elize Maia/Thâmela (ES) por 2 sets a 0 (21/16 e 21/19). Ana, que sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo nas quartas de final, entrou em quadra no sacrifício. Além disso, ela também recebeu a notícia de uma perda familiar durante o torneio. Mesmo assim, a atleta de 1,94m, não se deixou abater e liderou a conquista de mais um pódio.

– Este foi um dos finais de semana mais difíceis da minha vida. Perdi meu padrinho ontem, e ainda tive essa torsão. Mas, por outro lado, também foi um fim de semana que me fortaleceu. Desistir para mim é muito doloroso, eu detesto perder, mas desistir é pior. E isso é o meu combustível. Estou muito orgulhosa do que fizemos aqui, é difícil descrever a felicidade que estou sentindo agora – contou Ana Patrícia.

Cada etapa do Circuito Brasileiro distribui R$ 47 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos aproximadamente de R$ 538 mil por etapa.

Após a disputa do torneio feminino nesta semana, o torneio masculino será disputado na sequência, entre os dias 26 e 29 de novembro. As etapas foram divididas em semanas diferentes para reduzir a circulação de pessoas dentro do CDV.

CONFRONTOS

BRONZE – Elize Maia/Thâmela (ES) 0x2 Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) (16/21 e 19/21)

OURO – Ágatha/Duda (PR/SE) 2×0 Talita/Carol Solberg (AL/RJ) (21/12 e 21/11)

Veja também

Mineiros vencem na abertura da 7ª rodada da Superliga

A rodada deste sábado na Superliga Masculina 2020/21 foi dos mineiros. Sada/Cruzeiro, Amér…