Amanda
Home Destaques Amanda: “Precisamos minimizar nossos erros”
Destaques - Supercopa - 5 de novembro de 2020

Amanda: “Precisamos minimizar nossos erros”

Capitã do Sesc RJ Flamengo reencontrará o Dentil/Praia Clube pela Supercopa

Sesc RJ Flamengo e Dentil Praia Clube estarão frente a frente nesta sexta-feira na disputa pelo título da Supercopa. O confronto será realizado no ginásio Guanandizão, em Campo Grande (MS), às 21h30, e será o primeiro do calendário feminino a receber público desde que todas as competições da última temporada foram paralisadas em virtude da pandemia provocada pelo coronavírus. Serão 600 convidados presentes no evento, que será transmitido pelo canal SporTV 2.

As equipes disputaram, na última semana, a final do Super Vôlei, em Saquarema (RJ). Com um placar de 3-0, melhor para as mineiras. Mas o revés serviu como motivação para o Sesc RJ Flamengo, que espera fazer um melhor jogo nesta sexta. Na única vez em que se enfrentaram pela Supercopa, em 2016, melhor para o time carioca, que levou o troféu após vencer por 3 a 1.

– Teremos uma equipe experiente pela frente, com atletas excelentes e precisamos minimizar nossos erros. O volume de jogo precisa aparecer. Estudamos muito, tentamos entender o que aconteceu de errado no último confronto e aproveitamos o tempo que tivemos para nos reorganizar e buscar uma partida mais consistente. Será mais uma final, um jogo muito importante, único e decisivo. Elas tiveram todos os méritos na semana passada, mas esperamos estar melhores nesta sexta – analisou Amanda.

Bernardinho esteve no Guanandizão em 2004, quando ainda era técnico da Seleção Brasileira masculina. Ele lembra do calor dos fãs e espera que, mesmo em uma situação de público reduzido, possa reviver a experiência.

– A Supercopa é uma das competições que abrem a temporada. Jogaremos contra um grande time e será, sem dúvida, como foi no masculino, um grande jogo. Campo Grande merece esse grande espetáculo. Ter um pouco de público no ginásio é um retorno, aos poucos, a nossa vida normal e esperamos que tudo corra bem. Me lembro bem da minha vinda ao Guanandizão. Vivíamos um momento de grandes vitórias, onde a seleção crescia e conquistava cada vez mais público por onde passava. E Campo Grande nos acolheu de uma forma incrível. Poder voltar ao Guanandizão é maravilhoso e espero que possamos trazer ao público um grande jogo. Que consigamos fazer uma ótima partida contra um grande time, que é o Praia Clube – disse Bernardinho.

As jogadoras do Sesc RJ Flamengo também vivem uma expectativa grande para reencontrar o público. Mesmo em quantidade reduzida, elas sabem que será um marco na retomada do vôlei brasileiro e esperam que possam proporcionar uma experiência incrível para quem estiver no ginásio.

– Será muito emocionante voltar a ter público em uma partida, mesmo com a capacidade bem reduzida. Sabemos que neste momento é necessário manter a prudência, com distanciamento e o respeito a todos os protocolos. Por isso esse reencontro vale ainda mais. Estamos distantes dos nossos torcedores, das pessoas que nos acompanham sempre, mas esses que terão o prazer de estar no ginásio irão representa-los. Eles representarão uma massa enorme que torce e acompanha o voleibol brasileiro e gostariam de estar no ginásio. Será uma parcela pequena de torcedores, mas que farão, sem dúvida, um espetáculo bonito. E nós seguimos com a esperança de que possamos ter o quanto antes os ginásios lotados por todo o Brasil com toda a segurança – finalizou Amanda.

Veja também

Itambé Minas não dá chances ao Barueri e vence por 3 a 0

Cinco rodadas, três troféus Viva Vôlei. Mais uma vez, a central Thaisa foi eleita pelos in…