Gattaz
Home Superliga Carol Gattaz e Bia falam sobre duelo em BH
Superliga - 26 de novembro de 2020

Carol Gattaz e Bia falam sobre duelo em BH

Minas e Osasco jogam pela liderança nesta sexta-feira

A disputa pelas primeiras posições na Superliga feminina terá um capítulo importante na noite desta sexta-feira com um duelo entre duas equipes invictas na competição. Pela sexta rodada do turno, o Itambé/Minas recebe o Osasco/São Cristóvão Saúde, às 21h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), com transmissão do SporTV 2.

Os dois times têm campanha similares nas primeiras rodadas da temporada – foram cinco vitórias em cinco jogos. O Minas está na segunda posição e o Osasco vem logo atrás, em terceiro, ambos com 15 pontos somados, e a vantagem mineira é pelo critério de pontos average.

Para o encontro decisivo desta sexta-feira, os adversários contam com centrais que têm algo em comum: a identificação com as camisas que vestem. Carol Gattaz, do time mineiro e Bia, do lado paulista, chegam para a partida cientes de que vencer um clássico deste nível não é uma tarefa nada fácil.

A experiente Carol Gattaz foi um dos principais nomes da conquista minastenista da Superliga Banco do Brasil na temporada 2018/2019, e é ainda uma das lideranças do tradicional clube mineiro. Para a jogadora, a partida será definida no detalhe, a favor de quem estudou melhor o oponente.

– O jogo desta sexta-feira será dificílimo, não há dúvidas. O Osasco São Cristóvão Saúde vem crescendo na competição, está em uma ótima fase e com um elenco experiente. Elas estão apresentando um voleibol consistente e muito regular. Será um encontro entre dois times com muita tradição no vôlei e quem estiver em um dia melhor vai levar, tiver estudado mais o adversário vai ter vantagem. Espero um grande jogo e estou com uma expectativa bem grande – disse Carol.

O discurso de Carol ecoa na fala de Bia. A central do Osasco elogiou bastante as adversárias, e garantiu que não há favoritos. A atleta destacou a importância do sistema de bloqueio e defesa como chave para vencer o sexto jogo consecutivo.

– Esperamos um jogo bem complicado. Os dois times estão invictos e é sempre difícil jogar em Belo Horizonte contra o Minas. A Macris tem imprimido um ritmo muito intenso e que encaixa muito bem com as atacantes. Temos que sacar bem desde o início para facilitar nosso sistema defensivo, já que temos conseguido um bom desempenho no bloqueio e defesa. Precisamos jogar bem taticamente, não tem outro jeito. A marcação de bloqueio e nossa virada de bola tem que funcionar ao máximo. Teremos que entrar muito concentradas, pois não tem jogo fácil – contou Bia.

Veja também

Taubaté ganha e segue na caça ao Sada Cruzeiro

Dois dias depois de terem se enfrentado pelas quartas de final da  Copa Brasil, na última …