Osasco
Home Superliga Com Jaque inspirada, Osasco vence e segue invicto
Superliga - 20 de novembro de 2020

Com Jaque inspirada, Osasco vence e segue invicto

Com 20 pontos da ponteira Jaqueline – 18 de ataque, 1 de saque e 1 de bloqueio -, o Osasco São Cristóvão Saúde derrotou o São José dos Pinhais por 3 sets a 0 – parciais de 25-21, 25-15, 25-22 – na tarde desta sexta-feira, no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (PR), na abertura da quarta rodada da Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21,

A bela atuação – 67% de aproveitamento no ataque e 67% de positividade no passe – garantiu para Jaque o troféu Viva Vôlei.

– Estou feliz porque fiquei um mês sem treinar e estou voltando agora. Nesse campeonato não tem equipe boba. Nesse terceiro set, se a gente vacilasse, elas levavam – disse a bicampeã olímpica.

A ponteira Carla, do São José dos Pinhais, segunda maior pontuadora do confronto, com 17 acertos (15 de ataque e 2 de saque, com 48% de aproveitamento no ataque) falou sobre o dia da Consciência Negra, que é comemorado nesta sexta-feira, 20 de novembro:

– É complicado para nós, negros, viver nesse mundo em que você sai de casa e não tem certeza se vai voltar. Ontem, em  Porto Alegre, espancaram um negro até a morte. Seria bom se a gente praticasse mais o amor ao próximo. Eu, como pessoa negra que já viveu preconceito sim, tento não me abalar. Mas eu vivo com medo. Tenho uma sobrinha de 9 anos, a Lícia, que daqui a uns anos vai ser uma mulher, uma mulher negra e me preocupo. Vamos doar um pouco mais de amor nesse dia da consciência negra – disse a jogadora, em entrevista ao TV NSports após a partida.

A oposta Tandara marcou 5 pontos – todos de ataque com 28% de aproveitamento no fundamento. Ela recebeu 18 bolas, errou 5, foi bloqueada em 3 e nos outros 5 deu contra-ataque. A ponteira Gabi Cândido foi a segunda maior pontuadora de Osasco, com 11 pontos, seguida pela central Mayany, com 8. Bia fez 3.

O São José chegou a estar na frente de Osasco na segunda metade do terceiro set (17 a 15), mas cometeu muitos erros e prevaleceu o favoritismo do time de Luizomar de Moura. A equipe paulista não contou hoje com a ponteira Tainara, que passou por um procedimento cirúrgico para retirar duas pedras no rim direito.

Com o resultado, Osasco passou a somar 12 pontos, invicto, com 4 vitórias em 4 jogos e apenas um set perdido. Confira aqui a classificação. Na próxima rodada, o time tem o clássico contra o Sesi/Bauru, terça-feira (24), às 19h, no José Liberatti, com transmissão pelo SporTV 2.

Veja também

Zé Roberto vê jogo contra o Praia como chance aprendizado

A tabela da Superliga Feminina 2020/21 não está dando moleza para o São Paulo Barueri. Nos…