João Rafael
Home Destaques João Rafael: crescimento na Itália e “talento” no futebol
Destaques - Superliga - 24 de novembro de 2020

João Rafael: crescimento na Itália e “talento” no futebol

João Rafael é um dos destaques do EMS/Taubaté na temporada

João Rafael é um dos principais nomes do EMS/Taubaté na temporada 2020/2021. Uma das caras novas do time paulista, ele ganhou espaço em uma posição muito concorrida, com os campeões olímpicos Maurício Borges e Douglas Souza. Foi destaque na conquista do Super Vôlei, faturou ainda a Supercopa e tem se destacado na campanha invicta até aqui na Superliga.

O ponteiro pernambucano admite que retornar ao Brasil para esta temporada não estava nos planos. Mas não se arrepende por ter deixado a Europa.

– Pretendia ficar por lá, mas apareceu essa oportunidade de jogar no time de Taubaté, com um elenco sensacional, então agarrei essa chance. A cada dia que passa, estou mais certo da minha escolha – afirma o ponteiro, que ressalta o crescimento que obteve jogando no Campeonato Italiano por Molfetta e Siena em quatro temporadas.

– Jogar na Itália foi a melhor opção profissional que fiz junto com o meu empresário. O campeonato é de altíssimo nível e com atletas altamente qualificados. Isso forçou o meu amadurecimento. Com toda certeza, essa experiência no exterior ajudou diretamente no atleta e pessoa que sou hoje.

O vôlei, porém, quase perdeu o talento de João Rafael para outras paixões nacionais: o futebol e o futsal.

– Sempre gostei de futebol e de futsal. Modéstia à parte, eu era um bom zagueiro. Os técnicos gostavam, principalmente, por causa da altura, o que para a posição é ótimo. Passei um tempo treinando no Sport e jogava futsal como pivô, e também como zagueiro, no colégio onde eu estudava – afirma João Rafael.

A migração para o vôlei foi incentivada pelo tio Marcos Fernando:

– Meu tio sempre gostou de vôlei e um dia fomos fazer uma aula experimental no meu colégio. Fiz a aula, gostei demais e estou até hoje fazendo o que mais gosto. Passei um bom tempo conciliando os dois esportes, mas, em 2009, fui convocado para jogar o Campeonato Brasileiro de seleções e, logo depois, fui chamado para jogar pelo time do Pinheiros, em São Paulo. Em seguida, veio a convocação para a Seleção de base – relembra João Rafael.

O próximo compromisso pela Superliga, pela sexta rodada do turno, será contra o Vôlei UM/Itapetininga, nesta quinta-feira, em casa, às 21h30, com transmissão do canal SporTV2. E o ponteiro está confiante na evolução de Taubaté.

– Temos um grupo de profissionais dedicados, trabalhadores e de muita experiência. Nosso time rala muito. Treinamos e malhamos sempre 100% e não permitimos um treino sequer ruim. O grupo está bem unido e isso facilita o crescimento da equipe. Temos um elenco muito forte e com várias qualidades. Estamos em busca desse título da Superliga e estamos fazendo por onde.

 

Veja também

Taubaté ganha e segue na caça ao Sada Cruzeiro

Dois dias depois de terem se enfrentado pelas quartas de final da  Copa Brasil, na última …