Noumory Keita
Home Destaques Noumory Keita quer seguir os passos do ídolo Leon
Destaques - Entrevista - 9 de novembro de 2020

Noumory Keita quer seguir os passos do ídolo Leon

Noumory Keita, 19 anos, foi destaque ao marcar 54 pontos em jogo pela Liga Coreana, na semana passada

Muitos torcedores já viram a jogada espetacular de Noumory Keita – um ataque de costas para a rede, pela Liga Coreana, na semana passada. Essa jogada foi apenas uma das ações de destaque que o jogador de 19 anos, 2,07m, teve na partida em que marcou 54 pontos contra o Samsung Blue Fangs, levando o Uijeongbu KB Insurance Stars à sua quarta vitória seguida na competição. Em entrevista publicada no site da FIVB (Federação Internacional de Volleyball) neste domingo, Noumory contou um pouco mais sobre sua personalidade.

– Antes do jogo, estava conversando com meus amigos e disse que faria 50 pontos, seis ases. Depois do jogo, vi que fiz 54 pontos, incluindo cinco ases – disse o jogador, natural do Mali, na África.

– Não é a primeira vez que faço isso e, claro, não será a última. Quero estar sempre no meu limite. Atacar da zona 4 ou 6 (na ponta ou no meio-fundo) é a minha especialidade, é onde posso improvisar muito, mas as pessoas ainda não viram o que posso fazer nas zonas 1 e 2 (na saída de rede). Posso prometer aos espectadores que é só o começo e que eles vai gostar dos jogos. Gosto da situação que exige meus 100 por cento e da emoção de me esforçar muito na quadra – completou.

Noumory quer seguir os passos de seu ídolo, o cubano/polonês Wilfredo Leon.

– Leon é meu ídolo. Ele ainda é melhor do que eu, mas espero que não por muito tempo – brincou.

Noumory nasceu no Mali e foi o seu tio jogador de voleibol que o levou a jogar. Sua personalidade alegre e talento na quadra tornam suas atuações sempre emocionantes. Mas seu talento vai além da quadra de vôlei, pois o jovem astro também é um artista talentoso.

– Meu tio me motivou a jogar. Ele era jogador de vôlei e me apresentou ao mundo do vôlei, e gostava muito de jogar. No meu tempo livre gosto de dançar, ouvir música, jogar videogame e jogar futebol. Eu também gosto de fazer música – disse.

Veja também

Mineiros vencem na abertura da 7ª rodada da Superliga

A rodada deste sábado na Superliga Masculina 2020/21 foi dos mineiros. Sada/Cruzeiro, Amér…