Osasco
Home Superliga Osasco bate o Sesi e mantém a invencibilidade
Superliga - 24 de novembro de 2020

Osasco bate o Sesi e mantém a invencibilidade

O Osasco São Cristóvão Saúde manteve o bom retrospecto em cima do rival Sesi Bauru nesta temporada. Na noite desta terça-feira, o time do técnico Luizomar de Moura venceu por 3 sets a 1 – parciais de 25-20, 25-18, 23-25 e 25-11-, no Ginásio José Liberatti, pela quinta rodada da Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21 e segue com 100% de aproveitamento dos pontos na competição: 15 (5 vitórias em 5 jogos).

A aniversariante do dia, Mayany – completou 24 anos – marcou 14 pontos, foi eleita a melhor em quadra e ficou com o Troféu Viva Vôlei. Na temporada, essa foi a quarta vitória do Osasco sobre as rivais. Foram ainda dois triunfos nas finais do Paulista, e um pelas quartas de final do Super Vôlei, em Saquarema. Veja aqui os próximos jogos da semana, após as alterações feitas na tabela, e as transmissões.

Duas jogadoras terminaram como maiores pontuadoras do confronto, com 18 pontos:: a oposta Polina Rahimova, do Sesi (16 de ataque e 2 de saque e 39% de aproveitamento no ataque) e a ponteira Gabi Cândido, de Osasco, todos de ataque (52% de aproveitamento). Pelo time da casa, Tandara marcou ainda 17 pontos, Jaque 14, Bia 7 e Roberta 4. No Sesi, Adenízia marcou 13 pontos, Tifanny 12, Mara 9 e Suelle 6.

O time de Osasco assumiu a liderança provisória da Superliga e agora torce para que o então líder Dentil/Praia Clube perca ao menos dois sets para o Curitiba, na partida desta noite, no encerramento da rodada, com SporTV 2. Bauru perdeu a invencibilidade e se manteve na quarta colocação, com 11 pontos, mas com dois jogos a mais que o Sesc RJ, que tem 9 e está em quinto. Agora restam apenas quarto times invictos no torneio: Além de Osasco, o Praia, o Itambé Minas e o Sesc RJ Flamengo.  Confira aqui a classificação.

Adenízia resumiu bem a atuação do Sesi, que cedeu 23 pontos em erros, contra apenas 12 erros cometidos por Osasco:

– A equipe não compareceu. Toda a agressividade que a gente estava apresentando desde o Paulista hoje não apareceu. Contra uma equipe dessa, se não entrarmos com toda a vibração, não tem como. Hoje pecamos também no passe e nas decisões de ataque – disse a central.

Na próxima rodada, o Sesi Bauru enfrenta o São José dos Pinhais, sexta-feira, às 20h, no Sul, com transmissão pelo Canal Vôlei Brasil. No mesmo dia, Osasco enfrenta o Itambé/Minas, às 21h30, em Belo Horizonte (MG), com SporTV 2, no clássico de invictos.

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL FEMININA 20/21

Quinta rodada do turno

23.11 (SEGUNDA-FEIRA) – São Paulo/Barueri (SP) 0 x 3 Itambé/Minas (MG) (15-25, 20-25, 23-25), às 21h30, no José Correa, em Barueri (SP) – SporTV 2

24.11 (TERÇA-FEIRA) – Curitiba Vôlei (PR) x Dentil/Praia Clube (MG), às 21h30, no Colégio Positivo Jr., às 21h30, em Curitiba (PR) – SporTV 2

24.11 (TERÇA-FEIRA) – Osasco São Cristóvão Saúde (SP) 3 x 0 Sesi Vôlei Bauru (SP) (25-20, 25-18, 23-25, 25-11), às 19h, no José Liberatti, em Osasco (SP) – SporTV 2

24.11 (TERÇA-FEIRA) – São Caetano (SP) 0 x 3 São José dos Pinhais/Aiel (PR) (22-25, 20-25, 25-27) às 19h, no Lauro Gomes, em São Caetano (SP) – Canal Vôlei Brasil

09.12 (QUARTA-FEIRA) – Pinheiros (SP) x Brasília Vôlei (DF), às 20h, no Henrique Villaboim, em São Paulo (SP) – Canal Vôlei Brasil

08.12 (TERÇA-FEIRA) – Fluminense (RJ) x Sesc RJ Flamengo (RJ), às 19h30, no ginásio do Fluminense, no Rio de Janeiro (RJ) – Canal Vôlei Brasil

Veja também

Brasília supera o Sanca e se firma no G8

O Brasília derrotou o São Caetano por 3 sets a 1 – parciais de 25-11, 25-18 22-25, 2…