Osasco
Home Destaques Osasco não dá chance ao Flu e vence a segunda
Destaques - Superliga - 13 de novembro de 2020

Osasco não dá chance ao Flu e vence a segunda

O Osasco São Cristóvão Saúde derrotou o Fluminense por 3 sets a 0, na estreia do time no José Liberatti, na Superliga 2020/21

O Osasco/São Cristóvão Saúde não tomou conhecimento do Fluminense e venceu por 3 sets a 0 – parciais de 25-17, 25-18, 25-21- na estreia do time do técnico Luizomar de Moura em casa na Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/2021. O jogo foi válido pela segunda rodada. O Osasco segue invicto, com duas vitórias em dois jogos. O Tricolor ainda não venceu.

A central Camila Paracatu marcou 12 pontos (69% de eficiência no ataque) e faturou o Troféu Viva Vôlei. A oposta Tandara foi a maior pontuadora do jogo, com 17 acertos (58%). Tainara pontuou 11 vezes (35%). Pelo Fluminense, a ponteira Mayara marcou 12 pontos (37%) e Bruna, 11 (43%).

Osasco não contou com a central Bia, com um desconforto abdominal – Paracatu foi titular. A ponteira Jaque, que ficou fora dos últimos dois jogos também recuperando-se de lesão na coxa, foi relacionada entrou algumas vezes para sacar e fazer o fundo de quadra. O Flu ainda não conta com a ponteira Fernanda Tomé, que se recupera de lesão. A oposta Arianne se machucou no último jogo e nem viajou com o time. Mari já está saltando nos treinamentos, mas sua estreia ainda é indefinida.

Osasco não teve dificuldades em derrotar as cariocas e dominou o jogo praticamente do início ao fim – tirando o início, quando o Flu fez 4 a 0 no placar, mas depois foi cedendo a diferença no placar. Osasco marcou 26 pontos de ataque, 3 de saque, 8 de bloqueio e contou com 33 pontos em erros do Flu. O Tricolor fez 27 pontos de ataque, 1 de saque, 2 de bloqueio e teve 21 pontos cedidos pelas paulistas.

A segunda rodada será encerrada neste sábado, com a realização de dois jogos: às 17h, o Sesi Bauru recebe o Curitiba, no Panela de Pressão, com transmissão pelo Canal Vôlei Brasil, e às 21h30 o Sesc RJ Flamengo enfrenta o São Caetano, no ginásio Hélio Maurício, na Gávea, com SporTV 2.

Na próxima rodada, o Fluminense recebe o Sesi/Bauru, segunda-feira (16), às 21h30, nas Laranjeiras. No dia seguinte, Osasco enfrenta o São Paulo/Barueri às 19h, no José Corrêa. Os dois jogos serão transmitidos pelo Canal Vôlei Brasil.

Na abertura da rodada,  hoje, o São Paulo Barueri derrotou o São José dos Pinhais por 3 a 1 – 25-14, 25-27, 25-21 e 25-16), o Dentil Praia Clube superou o Brasília por 3 a 0 (25-20, 25-15 e 25-21) e o Itambé/Minas venceu o Pinheiros por 3 a 1 – 25-19, 21-25, 25-18, 25-17)

Confira aqui a classificação. 

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL FEMININA 20/21

Segunda rodada do turno

13.11 (SEXTA-FEIRA) – São José dos Pinhais/AIEL (SC) 1 x 3 São Paulo/Barueri (SP) (14-25, 27-25, 21-25, 16-25), às 17h, no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (SC) – Canal Vôlei Brasil

13.11 (SEXTA-FEIRA) – Itambé/Minas (MG) 3 x 1 Pinheiros (SP) (25-19, 21-25, 25-18, 25-17), às 19h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) – Canal Vôlei Brasil

13.11 (SEXTA-FEIRA) – Dentil/Praia Clube (MG) 3 x 0 Brasília Vôlei (DF) (25-20, 25-15, 25-21), às 19h, na Arena Praia, em Uberlândia (MG) – SporTV 2

13.11 (SEXTA-FEIRA) – Osasco São Cristóvão Saúde (SP) 3 x 0 Fluminense (RJ) (25-17, 25-18, 25-21) às 21h30, no José Liberatti, em Osasco (SP) – SporTV 2

14.11 (SÁBADO) – Sesi Vôlei Bauru (SP) x Curitiba Vôlei (PR), às 17h, no Panela de Pressão, em Bauru (SP) – Canal Vôlei Brasil

Veja também

Osasco vence o clássico e segue na cola do líder Praia

Agora restam apenas dois invictos na Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21: o líder D…