Le Roux
Home Vaivém Exames médicos separam Le Roux de time alemão
Vaivém - 3 de dezembro de 2020

Exames médicos separam Le Roux de time alemão

O central Le Roux deve reforçar o Berlin Recycling Volleys, da Alemanha, no restante da temporada 2020/2021. O ex-jogador do Sada Cruzeiro, de 31 anos, precisa ser aprovado nos exames médicos para ter a contratação confirmada, diz o clube.

De acordo com a nota oficial do Berlim, Le Roux, de 31 anos, é esperado na semana que vem para fazer os exames. Dois dos outros três centrais da equipe alemã são brasileiros: o campeão olímpico Eder e Renan Michelucci, ex-América. O outro brazuca do elenco é Davi, ex-Minas.

– Juntamente com a equipe técnica, tiramos as nossas conclusões a partir dos contínuos problemas de lesões. Por um lado, queremos colocar ainda mais ênfase na prevenção de agora em diante, por outro lado, decidimos ampliar o plantel e assim distribuir o fardo sobre mais ombros. Nossos jogadores ainda estão se recuperando, mas a lesão e a condição física não são as melhores. Agora, tivemos a oportunidade de envolver Le Roux e tirar parte da carga de trabalho dessa posição – disse o diretor administrativo Kaweh Niroomand.

Le Roux vinha mantendo a forma com treinamentos no Piacenza, da Itália. Na temporada passada, com o cancelamento do Campeonato Chinês por conta do coronavírus, o central praticamente não entrou em quadra pelo Beijing Baic Motors. Após ser pai e se casar, ele chegou a dizer que não jogaria em 2020, com planos para voltar ao vôlei no início de 2021, como preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

 

Veja também

Brasília supera o Sanca e se firma no G8

O Brasília derrotou o São Caetano por 3 sets a 1 – parciais de 25-11, 25-18 22-25, 2…