Sesi
Home Superliga Gattaz e Nicola Negro elogiam Sesi Bauru, rival nesta terça
Superliga - 14 de dezembro de 2020

Gattaz e Nicola Negro elogiam Sesi Bauru, rival nesta terça

Sesi Bauru volta a jogar após casos de covid

O Itambé/Minas tem mais um importante compromisso pela Superliga Feminina. Nesta terça-feira, às 21h30, a equipe mineira volta à quadra para encarar o Sesi Bauru, em jogo adiado da sétima rodada da fase de classificação da competição, devido a casos de infecção de coronavírus no time paulista. A partida atrasada será disputada no ginásio Panela de Pressão, em Bauru (SP), e será transmitida, ao vivo, pelo SporTV2.

Na última sexta-feira, o Itambé/Minas derrotou o Sesc RJ/Flamengo, na Arena Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte, e chegou ao sétimo triunfo em oito jogos na Superliga. O time do técnico Nicola Negro é o terceiro colocado, com 21 pontos. O líder é o Osasco/São Cristóvão Saúde, com 22 pontos, seguido pelo Dentil/Praia Clube, com 21, mas que leva vantagem nos critérios de desempate em relação à equipe minastenista. O adversário desta terça-feira está em quarto lugar, com 14 pontos.

A capitã Carol Gattaz espera um duelo difícil contra o time de Bauru:

– O Sesi Vôlei Bauru vem bem forte nesta temporada. A equipe está fazendo jogos bem consistentes. Com certeza, esperamos um duelo forte e difícil. O time delas tem duas jogadoras muito perigosas, que são a Tifanny e a Polina Rahimova, atletas que pontuam muito, além das centrais, que também são muito boas. Sabemos que será um jogo duro e esperamos fazer uma grande partida, porque um resultado positivo lá será muito importante para nós.

Nicola Negro também espera um jogo equilibrado e cobra atenção da equipe quanto ao forte ataque do time bauruense.

– Esta temporada está bem diferente, difícil de prever qualquer adversário. Sabemos que é um time que vai voltar forte, esteve afastado por causa de Covid, mas é uma equipe muito forte, com um potencial de ataque muito pesado. Temos que entrar em quadra com a cabeça boa, com muita concentração e jogar para ganhar – comenta o treinador.

O Sesi Bauru não contará com Rubinho no banco de reservas e está preocupado com a falta de ritmo de jogo.

Veja também

Barueri faz 3 a 1 e impede Osasco de ser líder

O Osasco São Cristóvão Saúde tinha chance de assumir novamente a liderança da Superliga Fe…