Ribeirão
Home Superliga Ribeirão busca a 1ª vitória diante do Itapetininga
Superliga - 15 de dezembro de 2020

Ribeirão busca a 1ª vitória diante do Itapetininga

Confronto acontece nesta quarta-feira, na Cava do Bosque

Na noite desta quarta-feira, o Pacaembu/Ribeirão faz um duelo do interior paulista contra o Vôlei UM/Itapetininga. O jogo, às 19h, na Cava do Bosque, vale pela oitava rodada do turno da Superliga masculina e havia sido adiado em razão de casos de coronavírus no time anfitrião. Ele terá transmissão pelo pay-per-view do Canal Vôlei Brasil.

Os dois times vivem situações opostas na competição. O Pacaembu/Ribeirão busca a primeira vitória nesta Superliga, enquanto o Vôlei UM/Itapetininga quer ser aproximar ainda mais dos líderes. Em comum, ambos os lados têm em quadra jovens levantadores com a responsabilidade de pensar o jogo. Luisinho, de 22 anos, defende o clube da casa, e Eduardo Carísio, de 24, é o titular na equipe visitante. Com passagens pelas Seleções de base, os dois querem aproveitar ao máximo a oportunidade de jogarem na elite do voleibol nacional.

Capitão de Ribeirão, Luisinho lidera um elenco jovem, com vários estreantes na principal competição do país.

– Estar à frente de uma equipe como levantador e capitão, e disputar um dos melhores campeonatos do mundo, é uma responsabilidade muito grande, e uma oportunidade única. Nosso time, embora jovem, está aproveitando essa oportunidade da melhor forma possível. Ainda estamos nos encontrando como equipe, mas estamos evoluindo a cada jogo e nos sentindo cada vez mais prontos para colhermos bons frutos de todo esse trabalho forte que estamos fazendo dentro dos treinamentos. Ser levantador já exige um nível de concentração elevado para executar o fundamento da melhor forma e tomar as melhores decisões na hora do jogo, ser um levantador jovem exige ainda mais porque é necessário buscar essa ‘maturidade’ rápido – disse Luisinho, que avaliou o próximo compromisso do time de Ribeirão Preto.

– Sobre o confronto desta quarta-feira, temos a certeza de que será difícil, eles estão em um momento muito bom, mas nós acabamos de sair de um ótimo jogo técnica e taticamente contra o Sada, e tivemos ótimas semanas de treinamento após uma pausa grande por conta de alguns casos de Covid. Nos sentimos prontos para dar o nosso melhor e buscar nossa primeira vitória na competição – encerrou o levantador.

Em quinto lugar na classificação geral, Itapetininga soma 13 pontos e quatro vitórias em nove jogos. Parte do bom desempenho da equipe vem da distribuição de Carísio. Para o jogador, ser o levantador efetivo em uma equipe de alto rendimento tem sido uma experiência muito construtiva na carreira.

– Tenho ficado feliz com minhas atuações, mesmo sabendo que tenho muito a evoluir. Jogar efetivamente tem sido muito bom para mim, e quero cada vez mais me descobrir dentro da quadra e soltar o jogo. Estamos todos crescendo individualmente e coletivamente. Sabemos do potencial da nossa equipe e tenho certeza de que, jogo a jogo, vamos encontrar nosso melhor – contou Carísio, que ainda alertou para o modo de jogar do rival Luisinho.

“Sobre o jogo de amanhã contra Ribeirão, vamos enfrentar uma equipe que sabemos da dificuldade de jogar com eles, e é um jogo muito importante para gente. Vamos entrar forte e buscar esse resultado positivo fora de casa. Eles contam com o Luisinho, que joga há algum tempo em Ribeirão, tem um jogo mais arriscado, força algumas bolas improváveis e que temos que ter bastante cuidado – finalizou o atleta.

Veja também

Covid: técnico do Vedacit Guarulhos testa positivo

Mais um caso confirmado de coronavírus na Superliga masculina. O Vedacit Guarulhos anuncio…