Bauru
Home Superliga Bauru ganha fácil e já pensa no Minas, pela Copa Brasil
Superliga - 30 de janeiro de 2021

Bauru ganha fácil e já pensa no Minas, pela Copa Brasil

Sem a menor dificuldade, o Sesi Bauru derrotou o São José dos Pinhais por 3 sets a 0 – parciais de 25-14, 25-16, 25-13 – na noite deste sábado, em Bauru, pela sexta rodada do returno da Superliga Feminina Banco do Brasil 2020/21 e retomou a quarta colocação na tabela, com 34 pontos em 15 jogos.

O time do técnico Rubinho tem um ponto a mais que o Sesc RJ Flamengo, que foi derrotado na noite de ontem pelo São Paulo Barueri por 3 a 0 e caiu uma posição. Pinhais segue na décima posição, com 13 pontos, ainda com chances de G8. Confira aqui a classificação.

O G4 da Superliga está assim: Itambé Minas, 39 pontos, Dentil Praia clube (37), Osasco (36) e Sesi Bauru (34). Bauru se concentra agora na semifinal da Copa Brasil. O adversário, na próxima sexta-feira é o Itambé Minas, no Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema, na Região dos Lagos do Rio. A outra semifinal será disputada no mesmo dia entre Dentil Praia Clube e o vencedor de Osasco São Cristóvão Saúde e Curitiba, que se enfrentam na terça-feira, pelas quartas de final. Veja aqui a tabela da Copa Brasil.

Rabadzhieva foi eleita a melhor em quadra e faturou o Troféu Viva Vôlei. Ela marcou 11 pontos (9 de ataque, 1 de bloqueio e um de saque),  teve 53% de aproveitamento no ataque e 55% de positividade e 45% de excelência no passe.  A oposta azeri Polina Rahimova foi a maior pontuadora do confronto, com 16 acertos (13 de ataque, com 76% de aproveitamento, e 3 de bloqueio).

Rubinho voltou a escalar a dupla de centrais com Mara e Adenízia. Fê Ísis entrou no terceiro set e marcou 5 pontos. Mais do que Mara em dois sets (3). Adenízia pontuou 10 vezes (6 pontos de ataque, 3 de bloqueio e 1 de saque). Tifanny, que entrou apenas no terceiro set, terminou o jogo com 3 pontos. Vanessa Janke foi a ponteira titular ao lado de Rabadzhieva.

Bauru é outro time com a entrada de Rabadzhieva. E não apenas tecnicamente. A equipe ganhou confiança e o desafogo para cima da Polina é notório. Não que ela precise. Mas, em alguns jogos contra times de mesmo investimento, a sobrecarga pesa e o jogo fica muito previsível. São José dos Pinhais não incomodou hoje. Não teve a eficiência no ataque com a ponteira Carla que costuma ter. Sofreu no passe e parou no bloqueio de Bauru.

Pela Superliga, o Sesi Bauru volta a jogar somente no dia 13 de fevereiro, contra o Minas novamente, às 21h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte, pela sétima rodada do returno. O SporTV transmite. São José dos Pinhais joga no dia 12, contra o São Paulo Barueri, às 16h30, em casa, também com transmissão pelo SporTV 2.

Veja também

Veja nova divisão dos times da Liga Profissional Americana

O draft da Liga Profissional Americana feminina para a segunda semana de disputa aconteceu…