Tóquio
Home Destaques “Cartilha olímpica” promete ser rigorosa com atletas em Tóquio
Destaques - Tóquio-2020 - 10 de fevereiro de 2021

“Cartilha olímpica” promete ser rigorosa com atletas em Tóquio

Deslocamentos pelo Japão a passeio estão proibidos

O coronavírus fará dos Jogos Olímpicos de Tóquio os mais rigorosos de todos os tempos. Essa é a promessa depois da divulgação de uma cartilha com regras para os participantes, divulgada nesta terça-feira, pelo Comitê Organizador, pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) e pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC).

Entre os principais itens do documento estão o veto que os esportistas e comissões técnicas façam turismo no Japão e obrigação de testes de covid pelo menos a cada quatro dias. É possível que o regulamento passe por atualizações até julho, mês previsto para o início do megaevento, uma vez que a pandemia pode desacelerar com o aumento no número de vacinados mundo afora.

No detalhamento das informações para os participantes da Olimpíada, fica clara a restrição para os deslocamentos, com a proibição do uso transporte público. Atletas e membros de comissões devem usar apenas o transporte oficial disponibilizado pela organização, com permissão para se deslocar apenas para instalações esportivas e locais pré-determinados de treinos. Ida a restaurantes, bares, pontos turísticos e lojas está vetada.

O distanciamento social é outro item importante da cartilha. Na Vila Olímpica, as refeições deverão ser feitas com distância mínima dois metros para outras pessoas, por exemplo.

Se um atleta testar positivo, será imediatamente isolado e não poderá participar de competições durante 14 dias, prazo suficiente para tirá-lo da disputa de toda a competição em Tóquio.

Veja também

Honorato desequilibra e Minas vence o Uberlândia

Com 20 pontos do ponteiro Honorato, o Fiat Minas derrotou o Azulim Gabarito Uberlândia por…