Lucarelli
Home Destaques Lucarelli agradece apoio em pior momento na Itália
Destaques - Internacional - 4 de fevereiro de 2021

Lucarelli agradece apoio em pior momento na Itália

Ponteiro do Trentino participou do podcast "Na Rede com Nalbert"

Convidado do podcast “Na Rede com Nalbert”, o ponta Lucarelli falou sobre a adaptação ao vôlei europeu em sua primeira temporada no Trentino, um dos clubes mais tradicionais da Itália.

A chegada, com os casos de coronavírus crescendo no país, e a morte do pai, em setembro, depois de um infarto fulminante, foram difíceis obstáculos superados pelo campeão olímpico.

– Quando cheguei aqui na Itália, a questão do covid parecia melhor do que estava no Brasil, mas depois de um mês começaram a fechar tudo de novo. E logo depois veio o falecimento do meu pai, que foi uma situação muito estranha porque eu não sabia se viajava aí para o Brasil, e tinha que tomar essa decisão muito rápido. A galera daqui me apoiou muito – vieram quase todos os jogadores do time aqui em casa, ficamos até umas quatro da manhã. Foi complicado ficar longe da minha família todo esse tempo, mas agora eu vou tentar honrar os ensinamentos do meu pai para o resto da minha vida – contou Lucarelli.

Os resultados demoraram a aparecer, tanto individual como coletivamente. O cenário começou a mudar em novembro, quando o Trentino iniciou uma série de 16 vitórias seguidas, encerrada recentemente. Para isso, Lucarelli falou sobre a adaptação à Itália.

– Tive a sorte de poder escolher jogar em Trento, já conhecia vários jogadores do time. A língua é muito próxima, então com três meses eu quase já conseguia me comunicar com todo mundo em italiano, nem falava quase mais o inglês. A adaptação à comida também foi um pouco difícil, comia arroz e feijão todos os dias, minha vida inteira, mas a gente come em um restaurante bem perto e, por incrível que pareça, cheguei a um peso que não chegava há uns seis, sete anos – afirma, sobre estar em ótima forma.

Ontem, Lucarelli entrou em quadra pela penúltima rodada do returno do Italiano. O Trentino, terceiro colocado, perdeu para Milão, oitavo, em sets diretos: 25-22, 25-23 e 25-22.  O brasileiro fez quatro pontos, todos no ataque, com 44% de aproveitamento.

 

Veja também

Vôlei Renata vence o Itapetininga em casa

O Vôlei Renata derrotou o Vôlei UM Itapetininga por 3 sets a 0 – parciais de 30-28, …