Curitiba
Home Superliga Milena sai do banco e Curitiba vira jogo-chave
Superliga - 14 de fevereiro de 2021

Milena sai do banco e Curitiba vira jogo-chave

O Curitiba segue na sua maratona de fazer 7 jogos em 21 dias. Em partida que valia a sétima posição, confronto direto dentro do G8, na noite deste domingo, o time paranaense, que teve vários jogos adiados na Superliga Feminina 2020/21 por conta do surto de coronavírus que atingiu o time há três semanas, derrotou o Brasília por 3 sets a 2, de virada – parciais de 22-25, 25-22, 25-22, 19-25, 15-12 -, no Ginásio Sesi Taguatinga, no Distrito Federal, em partida válida pela sexta rodada do returno.

O resultado fez o time do técnico Pedro Moska voltar para a sétima colocação, agora com 22 pontos em 15 jogos, contra 21 do Brasília, oitavo na tabela, com 18 jogos. O Itambé Minas lidera a Superliga, com 48 pontos, seguido por Dentil Praia Clube (43), Osasco São Cristóvão Saúde (38), Sesc RJ Flamengo (36), Sesi Bauru (34) e São Paulo Barueri (29). Confira aqui a classificação completa.

Num ace da ponteira Milena – que começou no banco, recuperando-se de lesão, e entrou para mudar a história do jogo -, o Curitiba encerrou a batalha de quase duas horas e meia, em Brasília. Ela foi eleita a melhor em quadra e ficou com o Troféu Viva Vôlei. Depois da partida, deu um abraço demorado no treinador, num momento de emoção, já que o time vem momentos de superação diários desde os casos de coronavírus e ela perdeu recentemente o avô.

– A gente sabia que ia ser um jogo duro, complicado, um jogo, para nós, decisivo. A gente vinha já de um cansaço grande contra o São Caetano. Eu estou vindo de lesão, estou de ombro lesionado, quase quebrei o dedo no aquecimento contra o São Caetano. Ali do banco a gente conseguia ver que o que faltava era a energia. As meninas estavam sentindo a responsabilidade – disse a ponteira de 20 anos, que marcou 8 pontos (6 de ataque e 2 aces).

No duelo de opostas bem posicionadas nas estatísticas de pontuação da competição, a líder Ariane marcou 25 pontos, contra 21 de Ivna, do Curitiba. Outros destaques do Brasília foram Paula, com 17 pontos, e Aline, com 12. Na equipe paranaense, a central Lays fez 18 pontos e Pietra, que deu lugar para Milena entrar, no quarto set, fez 10.

O Curitiba volta a quadra já na próxima terça-feira para enfrentar o Itambé Minas, às 19h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), em partida válida pela terceira rodada do returno, com transmissão pelo Canal Vôlei Brasil. O Brasília enfrenta o São Paulo Barueri no próximo sábado, às 20h, no José Correa, com transmissão pelo SporTV 2. Veja aqui a programação e as transmissões da semana.

Veja também

Civitanova perde e se complica na Champions

O Civitanova se complicou na abertura dos playoffs da Champions League. Mesmo jogando na I…