Praia Tandara Osasco
Home Superliga Osasco anula o Praia e assume a vice-liderança
Superliga - 19 de fevereiro de 2021

Osasco anula o Praia e assume a vice-liderança

Com uma atuação impecável e 20 pontos de Tandara, contra um adversário num péssimo dia em todos os fundamentos, o Osasco São Cristóvão Saúde derrotou o Dentil Praia Clube sem dificuldade, por 3 sets a 0 – parciais de 25-22, 25-22, 25-18- na noite desta sexta-feira, no ginásio José Liberatti,  pela oitava rodada do returno da Superliga Feminina 2020/21, e tomou, das rivais, a vice-liderança da competição.

Osasco tem agora 44 pontos (15 vitórias e 3 derrotas), contra 43 do Praia, terceiro colocado. O Itambé Minas lidera a Superliga, com 54 pontos e um jogo a mais na tabela. O Sesi Bauru, que derrotou o Sesc RJ Flamengo na rodada, é o quarto colocado, com 36 pontos, contra 34 da equipe rubro-negra. Veja aqui a classificação completa. As donas da casa repetem o resultado do turno, quando venceram por 3 a 2, em Uberlândia.

A central Bia sentiu dores no ombro e foi poupada. Camila Paracatu começou como titular. Tandara, num daqueles dias em que incorpora o “rolo compressor”, terminou a partida com 53% de aproveitamento no ataque e faturou o Troféu Viva Vôlei. Outro destaque de Osasco foi a central Mayany, autora de 14 pontos – quatro de bloqueio – e 75% de aproveitamento no ataque. Jaque pontuou 9 vezes, Paracatu 7 e Tainara também 7.

A maior pontuadora do Praia foi Fernanda Garay, com 12 pontos, e única que teve uma atuação ao menos regular na equipe. Martinez terminou a partida com apenas 7 pontos e 33% de aproveitamento no ataque. Não foi a oposta que o time precisa num clássico pela Superliga. Carol também marcou 7 pontos – 4 no bloqueio.

Nem parecia o mesmo Praia que vendeu caríssimo a derrota para o Itambé Minas na final da Copa Brasil, há menos de duas semanas. Cometendo erros no passe,  o time só conseguiu fazer frente para Osasco no início do terceiro set. A ponteira Anne Buijs foi substituída por Michelle ainda no primeiro set para melhorar o passe e voltou no final da partida. Paulo Coco colocou Walewska no lugar de Jineiry e tentou de tudo. Mas não era o dia do Praia. A equipe sofreu muito na recepção, o que comprometeu o side out.

A diferença entre os sides outs das duas equipes foi grande. O Praia marcou 33 pontos de ataque, contra 45 de Osasco. As donas da casa somaram 5 aces, contra nenhum das mineiras. Os dois times empatarem em bloqueios: 7. Osasco cedeu 22 pontos, contra 18 da equipe de Uberlândia.

A vitória foi um presente das jogadoras de Osasco para o técnico Luizomar de Moura, que retornou ao banco de reservas com ressalvas – ainda em ritmo mais calmo, como assistente do seu assistente Jefferson Arosti -, já que retorna aos poucos, após se recuperar do covid.

Osasco volta à quadra na próxima segunda-feira, para enfrentar o Brasília, às 19h30, no Distrito Federal, na abertura da nona rodada do returno, com transmissão do SporTV. O Praia enfrenta o Sesi Bauru, no dia seguinte, às 21h30, na Arena do Praia, em Uberlândia, também com SporTV 2.

Veja também

Honorato desequilibra e Minas vence o Uberlândia

Com 20 pontos do ponteiro Honorato, o Fiat Minas derrotou o Azulim Gabarito Uberlândia por…