sheilla
Home Internacional Sheilla estreia com derrota e passagem como ponta
Internacional - 27 de fevereiro de 2021

Sheilla estreia com derrota e passagem como ponta

Começou neste sábado a Liga Profissional feminina dos Estados Unidos, em Dallas, com presença da bicampeã olímpica Sheilla. No primeiro jogo do projeto, a oposto brasileiro ficou boa parte do tempo no banco de reservas do “Time King”, superado pelo “Time Sybeldon” por 2 sets a 1: 25-12, 25-21 e 23-25. Um total de 73 a 58.

Não estranhe a quantidade de parciais. Pelo regulamento da competição, os jogos acontecem sempre em três sets e não terminam caso um time abra 2 a 0, como aconteceu logo na abertura. E também há uma soma do número de pontos dos sets para um resultado final.

Na equipe vencedora, jogadoras com longo histórico na seleção dos EUA, como Larson, Lowe e Gibbemeyer. Deja McClendon, ex-Minas, também estava no elenco, foi titular e deu o primeiro saque do campeonato.

Do outro lado, Sheilla começou no banco de reservas. A titular na saída de rede foi Sherridan Atkinson. A mais renomada do elenco, depois da brasileira, era a dominicana Bethania De La Cruz. Quando entrou em quadra, no fim do primeiro set, Sheilla atuou como ponteira e, logicamente, foi alvo dos saques adversários.

Outra novidade do torneio é uma pontuação por acerto nos fundamentos e bônus por sets vencidos, para a criação de um ranking individual. Depois do primeiro jogo, a liderança ficou com Jordan Larson, com 379, seguida pela oposto Karsta Lowe, com 304. Sheilla somou 40.

Uma curiosidade: todas as jogadoras em quadra utilizaram máscara de proteção durante todo o confronto.

A cada semana os quatro times são alterados, com a definição de uma capitã para escolher as demais companheiras.

Veja também

Taubaté busca acertar atrasados antes de anunciar reforços

Campeão da Superliga masculina 2020/2021, o EMS/Taubaté passará por uma grande reformulaçã…